Calma! Single de Nick Jonas não significa fim dos Jonas Brothers

Venha entender que o novo projeto solo de Nick Jonas não é o fim da banda e que outros artistas já fizeram o mesmo!

Por em 25 de fevereiro de 2021

Por meio do seu Instagram, o cantor anunciou a chegada do seu novo single intitulado “Spaceman”. A nova faixa de Nick Jonas, integrante do Jonas Brothers, já está disponível em todas as plataformas de streaming, e teve o seu clipe lançado no dia 11 de março. No entanto, isso não significa o disband do trio.

O vídeo traz Jonas vestido em um traje de astronauta sendo arremessado do chão para uma longa distância.

O último projeto discográfico do irmão Jonas, Last Year Was Complicated, foi lançado em 2016, o álbum teve hits como o single “Jealous” e a parceria com Tove Lo em “Close”.

No final de fevereiro, Nick Jonas foi o anfitrião e a atração musical de um dos programas de TV mais populares dos Estados Unidos, o Saturday Night Live.

O integrante do Jonas Brothers também confirmou a data do lançamento do seu novo e quarto álbum, Spaceman, para o dia 12 de março. (*Este post foi atualizado com o álbum em 12/03. Veja abaixo).

Mas apesar do lançamento solo de Nick, muitos fãs estão especulando sobre o fim dos Jonas Brothers, após o novo investimento da carreira solo do irmão. Entretanto, vamos desmentir esses rumores e te mostrar que muitos membros de bandas continuaram em seus grupos musicais mesmo depois de lançar singles solos.

Nick Jonas do Jonas Brothers com a mão estendida perto da câmera e usando um camisa regata de couro
Foto: divulgação

O retorno de Jonas Brothers

Os Jonas Brothers retornaram as atividades em conjunto no ano de 2019 quando lançaram o disco Happiness Begins. A banda composto por Joe, Nick e Kevin estava em pausa há 6 anos e voltou a fazer projetos como uma banda a partir do lançamento de “Sucker”, o primeiro single após o hiatus.

O grupo ganhou notoriedade em 2007 e chegou a vender 17 milhões de discos no mundo inteiro, segundo a Billboard. No comeback da banda, os Jonas se apresentaram no palco do Grammy Awards 2020, onde performaram a faixa “What a Man Gotta Do” e mostraram um trecho do que seria sua nova música, “Five More Minutes”.

Além disso, o trio também fora indicado na categoria de Melhor Performance Pop de uma Dupla/Grupo por “Sucker”. Para alavancar o retorno, os Jonas Brothers anunciaram a Happiness Begins Tour, que teve início no segundo semestre de 2019 na América do Norte e chegou a ser confirmada no Brasil para novembro de 2020, mas teve sua apresentação desmarcada.

A banda superou os números de Ariana Grande na estreia do seu novo CD ao desbancar os 360 mil unidades em uma semana vendidos pela cantora. Assim, o Happiness Begins vendeu 414 mil cópias e foi o disco mais ouvido em streamings na sua semana de estreia, com 68,9 milhões de músicas tocadas.

Bem como o sucesso evidente do carro-chefe, Sucker, do álbum, ao ficar seis semana em 1º lugar na Billboard Hot 100 como a faixa mais tocada em rádios americanas.

Nick Jonas e a não separação dos Jonas Brothers

De volta a lançar trabalhos paralelos, podem surgir questionamento acerca do fim da banda, mas a verdade é que nada passa do nervosismo criado pelos fãs do trio de irmãos! Em entrevista para o SiriusXM Hits 1 Celebrity Session, os Jonas Brothers ressaltaram que há mais materiais para serem lançados.

Afinal, quando os fãs estavam espalhando de que o pacote de singles “XV” poderia dobrar como um novo título de álbum, a banda destacou a existência de outras faixas, porém, para aquele momento, apenas “X” com Karol G e “5 More Minutes” seriam apresentadas.

Mas agora, temos apenas duas músicas para entregar a todos, e esperamos que gostem delas. E definitivamente queremos lançar mais. Então, veremos como tudo correrá nas próximas semanas, alguns meses e, com sorte, pode colocar mais algumas músicas em suas mãos. 

A notícia de que a reunião do trio familiar musical havia terminado veio à tona depois que Nick anunciou seu novo single.

os jonas brothers juntos e logo atrás colinas. Joe Jonas usa um casaco roxo e uma quadriculada preta e branca; Nick Jonas usando um casaco colorido e está de perfil e Kevin Jonas usa um casaco azul e bege com estampa e uma blusa preta por baixo
Foto: divulgação

Assim, os irmãos teriam se reunido em fevereiro do ano passado, no qual estavam trabalhando duro em um novo álbum seguinte ao disco de retorno Happiness Begins, porém o coronavírus apareceu antes que pudessem anunciar o projeto.

Nick disse na época: “Estamos de volta ao estúdio com Ryan Tedder, trabalhando duro no novo álbum, que será anunciado nas próximas semanas – título, tracklist, tudo isso”.

Agora, após essa onda de rumores, os irmãos apareceram para esclarecer tudo que estava ocorrendo em suas vidas profissionais conjuntas e solos. Os Jonas Brothers negaram que estão se separando novamente e novas músicas estão a caminho.

Por meio do twitter, os Jonas disseram que eles têm algumas “coisas interessantes” surgindo “juntos e separados”, agradeceram os fãs e todos os momentos vivenciados durante o seu retorno.

Parece que continuaremos ouvindo e vendo novos trabalhos do trio em conjunto e separado.

Artistas que lançaram trabalhos paralelos igual Nick Jonas

Como já explicamos, integrantes de bandas normalmente lançam projetos individuais e isso não quer significa disband, mas apenas uma nova forma de explorar seu talento e ideias. Conheça artistas que já fizeram isso!

Hayley Williams

hayley loira com a mão na cabeça, encostada em uma parede da cor bege e usando uma camiseta preta
Foto: reprodução/Twitter

A vocalista do Paramore antes de lançar seus dois álbuns solos, já havia se aventurado em materiais fora da banda, essa formada em 2004. Em 2010, Hayley Williams ao lado do rapper B.o.B lançou a faixa “Airplane” seu primeiro projeto solo. A música fez parte do disco B.o.B Presents: The Adventures of Bobby Ray do rapper.

Além dessa, Hayley também colaborou com o DJ Zedd na canção “Stay the Night” em 2012. Todas essas parcerias aconteceram no momento em que a banda estava em pausa desde o lançamento do seu último álbum, Brand New Eyes. Após isso, o disco Paramore foi lançado em 2013 e o After Laughter em 2017.

Atualmente, a artista conta com dois recentes discos disponibilizados nas plataformas, o Petals For Armor e o Flowers for VASES/ descansos. Apesar desses novos projetos, Hayley revelou em um tweet que está pronta para a volta do Paramore.

A cantora contou, “eu não estou planejando fazer um novo álbum solo”, confessou Hayley. “Eu estou pronta para o próximo álbum do Paramore. Vamos lá!“.

Leia também: Como Hayley Williams foi do Paramore a um álbum 100% solo?

Eddie Vedder

Eddie Vedder sentado em uma canoa sobre um rio, vestindo um terno preto, com um ukulele na mão e atrás dele uma floresta no dia nublado.
Foto: Divulgação

Eddie Vetter é vocalista do Pearl Jam, uma das bandas mais famosas de rock da história. O cantor está desde a formação da banda em 1990, mas mesmo com o sucesso mundial do grupo de rock, ele decidiu partir para um novo projeto.

Eddie lançou o seu primeiro trabalho solo em 2007, quando recebeu o convite para compor e interpretar a trilha sonora do filme Into The Wild, uma adaptação do livro homônimo, escrito por Jon Krakauer, em 1996.

O primeiro disco do vocalista traçou uma linha e estilo folk, o que se difere do rock apresentado pelo Pearl Jam. O álbum contém 11 músicas, recheados de composições de violão, com letras bastante fortes. Há algumas faixas que foram criadas apenas para servir de apoio para algumas passagens do filme, por isso essas têm pouca duração.

O vocalista ainda possui um disco bastante íntimo e inspirador, o Ukulele Songs. Com o instrumento havaiano, Vedder criou uma atmosfera simples e tocante.

Eddie Vedder confirmou que irá lançar seu novo álbum solo em 2021. O anúncio foi feito durante o programa do radialista Howard Stern e assim como seu primeiro disco, esse irá compôr a trilha sonora solo do filme Flag Day, dirigido por Sean Penn, o mesmo de Into The Wild.

Em 2020, o Pearl Jam lançou o seu 11º álbum de estúdio, Gigaton. O seu single de estreia, “Dance Of The Clairvoyants”, abriu o caminho para as aguardadas 11 faixas do disco, criando muita expectativa nos fãs da banda de rock.

Amy Lee

Ammy Lee posa de perfil usando uma camisa branca estampada, com um casaco cinza e atrás uma parede marrom.
Foto: divulgação

Fundadora e líder do Evanescence, Amy Lee já se aventurou em novas vertentes musicais. Em 2014, Lee anunciou seu primeiro trabalho solo ao lado do violinista Dave Eggar, que foi uma trilha sonora para o filme independente War Story.

Mas apesar do novo projeto, Amy ainda vinha com muito mais para surpreender o público quando quebrou a rotina de guitarras e bateria que o rock a proporcionou, e em 2016, lançou o álbum infantil Dream Too Much.

Amy Lee afirmou que essa fase da sua carreira foi inspirada no seu filho Jack, que na época tinha dois anos.

Atualmente, o Evanescence está preparando o lançamento do seu novo álbum de músicas inéditas em uma década, o The Bitter Truth. O disco será lançado no dia 26 de Março deste ano.

John O’Callaghan

John O'Callaghan usando uma camisa e um blusa de manga azul. Na foto está escrito o título do álbum I Only Want to Live Once.
Matéria do Nick Jonas do Jonas Brothers
Foto: divulgação

O primeiro trabalho solo de John O’Callaghan, vocalista do The Maine, o EP Sincerely, John the Ghost, lançado há cinco anos ganhou uma sequência. Com o pseudônimo John the Ghost, o segundo álbum de O’Callaghan, I Only Want to Live Once, foi lançado na última sexta-feira (12) e conta com 9 faixas.

O último álbum do grupo The Maine, You Are Okay, foi lançado em março de 2019.

Ansiosos para a nova era de Nick Jonas e os futuros lançamentos dos Jonas Brothers? E os trabalhos paralelos e conjuntos de outros artistas, você também não vê a hora de escutar? Não se esqueça de comentar com a gente nas nossas redes sociais!

*Matéria atualizada em 11 de março de 2021


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!