30 de junho de 2019 por Giovana Bonfim Escudine.

Sem duvida alguma, Scooter Braun é um dos maiores nomes por trás do mundo da música pop. Ele é o empresário responsável por grandes artistas como Justin Bieber, Ariana Grande, Demi Lovato, etc.

Scooter é um nome referência por conseguir transformar seus artistas em ouro de forma inteligente. Se achava, até então, que fosse uma das exceções da toxicidade de todo esse backstage da indústria do entretenimento.

Através de seus artistas, parecia usar o dinheiro que conseguia para o bem. Nada de duvidoso sobre ele. Até agora.

Contexto de descontentamento de Taylor Swift

Na tarde desse domingo, 30, o empresário fez a compra de uma das maiores gravadoras, a Big Machine Label Group. Ela é a antiga gravadora responsável por Taylor Swift.

Por desentendimentos com seu último dono, ela tentou comprar todo seu catálogo musical, o que foi negado. Com a compra da mesma por Scooter, ele fica agora dono de quase todas suas músicas e clipes. Mas qual seria o problema? Ele também seria dono de materiais de outros artistas da gravadora, como os da Lady Antebellum, por exemplo.

O negócio com Taylor é mais embaixo. Por mais que quando começou com Justin Bieber, a relação entre os dois fosse amigável, isso mudou completamente. Bieber já se desentendia com a cantora quando namorava Selena Gomez, já que Swift era sua melhor amiga e desaprovava a relação. Talvez isso já tenha até começado a estremecer todas as relações pessoais e profissionais.

Nesse meio tempo, Scooter também se tornou representante de Kanye West, quem frequentemente tenta sabotar a cantora.

Post de desabafo no Tumblr

Taylor soube da compra da gravadora no mesmo tempo que nós meros mortais, sem nem poder refutar. Ficou desapontada, com razão, e publicou um texto que explica sua indignação. Ainda até expõe mais podres sobre Scooter. Leia abaixo:

“Por anos, eu pedi, implorei para ter a chance de ser dona do meu próprio trabalho. Ao invés disso, eu recebi a oportunidade de assinar de novo com a Big Machine Records e ‘merecer’ um álbum de cada vez, um para cada novo que eu entregasse. Eu não aceitei porque eu sabia que, assim que assinasse o contrato, Scott Borchetta venderia a gravadora, e assim, venderia eu e meu futuro. Eu tive que fazer a escolha excruciante de deixar para trás todo o meu passado. Músicas que eu escrevi no chão do meu quarto e vídeos com os quais eu sonhei e paguei com o dinheiro que ganhei tocando em bares, depois clubes, depois arenas, e então estádios.

Alguns fatos curiosos sobre as notícias de hoje: Eu soube da compra do meu trabalho por Scooter Braun conforme foi anunciado para o mundo. Tudo o que eu conseguia pensar era o bullying incessante e manipulador que eu recebi das mãos dele ao longo dos anos.

Como na vez em que Kim Kardashian orquestrou e gravou ilegalmente o trecho de uma ligação de telefone para ser vazada, e depois Scott juntou seus dois clientes juntos para fazer bullying comigo online (vejam a foto). Ou quando o cliente dele, Kanye West, organizou um videoclipe de “revenge porn”, que deixou meu corpo nu. Agora, Scooter tirou de mim o trabalho da minha vida inteira, o qual eu não recebi a oportunidade de comprar. Essencialmente, o meu legado musical está prestes a cair nas mãos de alguém que tentou destrui-lo.

Isso é o que acontece quando você assina um contrato aos 15 anos com alguém cujo termo ‘lealdade’ é, claramente, apenas um conceito contratual. E quando este homem diz ‘música tem valor’, ele quer dizer que o valor é dado a homens que não tiveram crédito nenhum em criá-la.

Quando eu deixei o meu trabalho nas mãos do Scott, eu fiz paz com o fato de que, eventualmente, ele o venderia. Nunca, nos meus piores pesadelos, eu imaginei que o comprador seria Scooter. Sempre que Scott Borchetta ouviu as palavras ‘Scooter Braun’ saírem dos meus lábios, foi quando eu estava ou chorando, ou tentando não chorar. Ele sabia o que ele estava fazendo; os dois sabiam. Controlar uma mulher que não queria ser associada a eles. Perpetuamente. Isso significa para sempre.

Ainda bem que agora eu assinei com uma gravadora que acredita que eu mereço ser dona de qualquer coisa que criar. Ainda bem que eu deixei meu passado nas mãos do Scott, e não o meu futuro. E, com sorte, jovens artistas ou crianças com sonhos no mundo da música lerão isso e aprenderão mais sobre como se protegerem melhor em uma negociação. Você merece ser dono da arte que você faz.

Eu sempre vou ter orgulho do meu trabalho passado. Mas, por uma opção mais saudável, ‘Lover’ será lançado dia 23 de agosto.

Triste e enojada, Taylor”.

Reação dos famosos àpublicação

Com toda a polêmica, alguns artistas se pronunciaram pelas redes sociais. O principal deles foi logo Justin Bieber, que saiu em defesa de Scooter. Veja a publicação:

Ver essa foto no Instagram

Hey Taylor. First of all i would like to apologize for posting that hurtful instagram post, at the time i thought it was funny but looking back it was distasteful and insensitive.. I have to be honest though it was my caption and post that I screenshoted of scooter and Kanye that said “taylor swift what up” he didnt have anything to do with it and it wasnt even a part of the conversation in all actuality he was the person who told me not to joke like that.. Scooter has had your back since the days you graciously let me open up for you.! As the years have passed we haven’t crossed paths and gotten to communicate our differences, hurts or frustrations. So for you to take it to social media and get people to hate on scooter isn’t fair. What were you trying to accomplish by posting that blog? seems to me like it was to get sympathy u also knew that in posting that your fans would go and bully scooter. Anyway, One thing i know is both scooter and i love you. I feel like the only way to resolve conflict is through communication. So banter back and fourth online i dont believe solves anything. I’m sure Scooter and i would love to talk to you and resolve any conflict, pain or or any feelings that need to be addressed. Neither scooter or i have anything negative to say about you we truly want the best for you. I usually don’t rebuttal things like this but when you try and deface someone i loves character thats crossing a line..

Uma publicação compartilhada por Justin Bieber (@justinbieber) em

“Ei Taylor. Primeiramente eu gostaria de me desculpar por postar aquele post maldoso no Instagram. NA época eu achei que fosse engraçado, mas olhando para trás foi desagradável e insensível… Eu tenho que ser honesto de que foi minha legenda e meu post que eu tirei print de Kanye e Scooter, que dizia “e aí Taylor Swift”. Ele não teve nada a ver com isso e não estava nem fazendo parte da conversa. Na verdade, ele foi a pessoa que me disse para não brincar daquele jeito.

Scooter te apoiou desde os dias que você graciosamente me deixou abrir seus shows! Conforme os anos se passaram, não cruzamos nossos caminhos e não conseguimos falar sobre nossas diferenças, machucados ou frustrações.

Então para você levar isso à rede social e conseguir pessoas para odiar Scooter não é justo. O que você estava tentando alcançar com esse post?

Parece para mim que foi para conseguir simpatia. Você também sabia que postando isso seus fãs iriam criticar Scooter.

De qualquer forma, uma coisa que sei é que tanto eu quanto Scooter te amamos. Eu sinto que a única forma de resolver o conflito é através da conversa. Então ficar de brincadeira na internet, eu não acho que resolva alguma coisa. Tenho certeza que Scooter e eu adoraríamos conversar com você e resolver qualquer conflito, dor ou qualquer sentimento que precise ser. Nem eu nem Scooter temos algo negativo para dizer sobre você. Realmente queremos o seu melhor. Eu normalmente não rebato coisas como essa, mas quando você tenta desfigurar alguém que amo, isso cruza uma linha”

Iggy Azalea também deu sua opinião no Twitter, desta vez concordando e ficando do lado de Swift.

“Eu acho o que consigo enxergar; é mais sobre o fato deles nem darem a oportunidade dela dar um valor sobre suas próprias obras; quando ela deixou claro que queria comprar. Eu posso entender totalmente onde ela quer chegar”.
“Dizer à alguém sobre um acordo dia antes de ser público significa que o acordo já tinha sido feito e ela nunca nem teve a oportunidade de dar um lance sobre seu próprio trabalho. Esses negócios levam meses para se negociar.”

Miley Cyrus aparentemente também fica ao lado de Taylor, uma vez que assim que sua publicação surgiu, ela deu unfollow em Scooter.

Leia também: Taylor Swift mostra bastidores de “You Need To Calm Down” e mais; veja

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.