in , ,

As 20 melhores músicas nacionais de 2021

"Gueto", da cantora IZA, é um dos melhores singles nacionais de 2021 de acordo com o Tracklist. Foto: Divulgação

2021 foi um bom ano para a música, principalmente no Brasil. Tivemos vários artistas premiados, revelações agradáveis e muita canção boa. Assim, conseguimos passar por esse período de pandemia mais otimistas e de ouvidos abertos ao que os grandes artistas têm para nos apresentar. Venha conosco e confira a lista que o Tracklist preparou das 20 melhores músicas nacionais de 2021!

Por Allan César, Isabela Berrogain e Manuela Sant’Ana

Observação: a lista foi definida a partir dos seguintes critérios: opinião dos redatores e da equipe do Tracklist; e opinião da crítica especializada.

As 20 melhores músicas nacionais de 2021

20º – “Galopa” – Pedro Sampaio

Um dos nomes mais quentes dos últimos anos, Pedro Sampaio tem feito lançamentos esporádicos e lançado parcerias de sucesso ao longo dos últimos meses. Porém, foi impossível não ouvir “Galopa” por aí. Sozinho, Sampaio trouxe uma faixa para lá de dançante e tomou de conta dos apps de vídeo nos últimos meses. Sem dúvidas, um dos grandes hits do ano.


19º – “Brasiliana” – BaianaSystem feat. Chico César

Inicialmente, o disco “OxeAxeExu“, do grupo BaianaSystem, foi disponibilizado nas plataformas digitais divido em três atos: “Navio Pirata“, “Recital Instrumental” e “América do Sol“. No entanto, quando o álbum foi lançado de forma completa, os fãs tiveram uma surpresa: a faixa inédita “Brasiliana“. A canção conta com os vocais do grande cantor Chico César, além da participação do músico argentino Mintcho Garrammone na guitarra baiana e no bandoneón.


18º – “Ama Sofre Chora” – Pabllo Vittar

Single que encabeçou a divulgação do álbum “Batidão Tropical”, “Ama, Sofre e Chora” é um arrocha para lá de pegajoso, como a drag nunca havia feito. A faixa é mais uma produção da brabo music, parceiros de longa data da artista, e ainda contou com toda uma promoção de lançamento envolvendo um suposto casamento. Por mais que não seja uma das favoritas dos fãs, a canção se tornando uma das mais reconhecidas de Pabllo Vittar.


17º – “Baby95” – Liniker

Responsável por dar início à nova era da carreira de Liniker, “Baby95” foi a primeira faixa lançada pela cantora após sua separação da banda Os Caramelows. Explorando do pagode ao R&B, a música, que fala sobre amor, foi escrita em parceria com as artistas Tássia Reis, Tulipa Ruiz e Mahmundi.

Uma das melhores músicas nacionais de 2021 é o carro-chefe do álbum “Indigo Borboleta Anil“, que mergulha nas raízes e referências de Liniker, além de contar com participações de grandes nomes como Milton Nascimento.


16º – Louca & Sagaz – Karol Conká feat. WC no Beat

Depois de apresentar um trecho da canção no Big Brother Brasil e viralizar em todas as redes sociais, Karol Conká lançou uma das faixas mais comentadas do ano. “Louca & Sagaz“, que tem a participação de WC no Beat, é repleta de flow, atitude e tudo de mais característico que a curitibana pode oferecer. Sem dúvidas, um dos maiores acertos do ano.


15º – “Triste com T” – Pabllo Vittar

Uma das poucas canções originais do “Batidão Tropical“, Pabllo Vittar apresenta em “Triste com T” um forró sampleado que bebe de fonte de bandas nordestinas, sem perder o aspecto pop dos seus lançamentos. Acompanhado de um challenge bastante comentado nos apps de vídeo, Vittar ousou na canção e novamente foi contra a tendência do momento e optou em transformá-la em single de lançamento do disco. “Triste com T” é divertida, cativante e te pega logo nos primeiros segundos.


14º – “Coringa” – Jão

Estreando a nova era do cantor, “Coringa” veio para demonstrar essa fase sentimental, dançante e bem extrovertida do novo álbum “Pirata” (2021). A canção, que acompanha um vídeo bem-produzido e protagonizado pelo trio Jão, Lucca Picon e Malu Alves, conta sobre um relacionamento que não estava planejado, porém que se torna algo como “fora da lei”.


13º – “Descobridor” – Lagum feat. Emicida

A banda Lagum coleciona parcerias desde o início da carreira. Em seu novo álbum, “MEMÓRIAS (de onde eu nunca fui)“, não foi diferente. “Descobridor“, colaboração do grupo mineiro com o rapper Emicida, foi o último single lançado antes da estreia do disco. “[“Descobridor”] É sobre as possibilidades que podem surgir de um encontro, partindo de uma tela em branco e, juntos, poder criar novas paisagens, memórias e histórias”, explicou Emicida em comunicado enviado à imprensa.

Assim como as demais faixas do trabalho, o feat faz homenagem a Tio Wilson, baterista da banda que morreu em setembro de 2020 devido a uma parada cardiorrespiratória. O videoclipe, que termina com a mensagem “Sempre me perco tentando ver memórias de onde eu nunca fui”, referência ao nome do álbum, resgata imagens de Tio em tributo ao integrante.


12º – “Calma” – Marisa Monte

Marcando seu retorno de músicas inéditas desde 2011, Marisa Monte entregou em “Calma” um single recheado de reflexões controversas em época de pandemia. Presente no seu álbum “Portas” (2021), como o próprio nome da canção diz, a artista pede calma, pois “já está pensando no futuro”, tudo isso com sua característica voz tranquila e arranjos bem brasileiros e agradáveis de violão.


11º – “Deixa de Onda” – Dennis feat. Ludmilla e Xamã

Misturando o funk e o trap, “Deixa de Onda” é uma colaboração que reuniu alguns dos maiores nomes da música nacional. A junção de Dennis com Ludmilla e Xamã resultou em um sucesso certeiro que chegou até nos charts internacionais.

Lançada em janeiro de 2021, a faixa, que fala de um relacionamento frustrado, foi acompanhada por um videoclipe repleto de efeitos 3D e cenários luxuosos.


10º – “Bonekinha” –  Gloria Groove

Gloria Groove definitivamente foi um dos maiores destaques da música brasileira em 2021. Sucedido por diversos hits, “Bonekinha” foi a faixa escolhida para abrir o ano de sucesso e dar início à nova era da cantora. A música é o primeiro single de “Lady Leste“, próximo álbum de Gloria, que traz a artista de volta ao pop, após o R&B de “Affair“.

A canção foi acompanhada por um videoclipe nostálgico, que conta com diversos elementos dos anos 2000 e traz referências às origens da cantora, criada na zona leste de São Paulo. Quem também dá voz ao single é Mirella, irmã de apenas 12 anos da rapper Drik Barbosa e grande fã de Gloria.


9º – “Lud Session” – Ludmilla feat. Gloria Groove

A colaboração entre uma das maiores drags da atualidade com uma das maiores cantoras da atualidade só podia ter um bom resultado. Por mais que não seja uma música propriamente dita, a colaboração entre as artistas foi trabalhada e divulgada como tal. Com quase 10 minutos de duração, o “Lud Sessions” vai contra todas as tendências do mercado de hoje e funciona tão bem como uma faixa tradicional de streaming. Mesclando faixas de ambas as artistas, a apresentação e a dinâmica entre Ludmilla e Gloria Groove funcionam perfeitamente.


8º – “Meu Pisêro” – Duda Beat

Depois do aclamado “Sinto Muito”, álbum de estreia da DUDA BEAT, as expectativas para o segundo trabalho ganharam ainda mais força depois do lançamento desse primeiro single, “Meu Pisêro”. A mistura de gêneros, justamente o piseiro (vertente do forró nordestino) com música eletrônica e muitos sintetizadores, dão o charme ao novo e mais amadurecido trabalho da cantora, que cada vez mais se consolida no cenário musical com suas trocas de estilos, letras sentimentais carregadas de história e, nessa canção em especial, um tom mais sombrio que trouxe novidade ao trabalho deste ano. Sem dúvidas, uma das melhores músicas nacionais de 2021.


7º – “penhasco.” – Luisa Sonza

O poderoso e delicado novo álbum da Luísa Sonza, “DOCE 22”, abrangeu vários hits, mas um que ganhou destaque foi o singlepenhasco.”. Com uma letra delicada e melodia de um pop suave, ela se trata de um desabafo bem sentimental após o tão comentado término com Whindersson Nunes. Para a artista, foi a música mais difícil de escrever. O disco lhe rendeu o título de artista pop brasileira mais ouvida do Spotify em 2021.


6º – “Girl From Rio” – Anitta

Girl From Rio” foi, até agora, um dos maiores investimentos de Anitta na carreira internacional. O single é acompanhado por um sample do clássico “Garota de Ipanema“, de Tom Jobim, enquanto apresenta a realidade vivida no Rio de Janeiro. “Deixa eu te contar sobre um Rio diferente / Aquele de onde eu venho / Mas não aquele que você conhece”, canta a artista.

Assim como os demais trabalhos de Anitta, a música virou um sucesso instantâneo. “Girl From Rio” entrou para a lista de músicas mais tocadas nas rádios dos Estados Unidos, ganhou o troféu de Música do Ano no Prêmio Multishow 2021 e, segundo o Google, foi a faixa mais buscada no Brasil neste ano. O single é o carro-chefe do próximo álbum da cantora, que, inicialmente, seria lançado em outubro, mas teve a estreia adiada para o primeiro semestre de 2022.


5º – “Zap Zum” – Pabllo Vittar

Aqui temos o hit das olimpíadas! Após viralizar graças ao jogador Douglas Souza, “Zap Zum” acabou tomando conta dos apps de dancinhas e mesmo sem ser single se ouvia em todos os lugares. Sendo uma das regravações do álbum de Pabllo Vittar, a música é divertida e acaba ganhando até mesmo que não gosta do estilo da canção.


4º – “Amarelo, azul e branco” – Anavitória feat. Rita Lee

Um dos singles mais relevantes dos últimos 12 meses, “Amarelo, azul e branco” marcou o ano já no seu lançamento: a música é a primeira faixa do álbum “COR“, da dupla Anavitória, lançado no primeiro minuto da virada de 2020 para 2021. Com participação de Rita Lee, grande inspiração de Ana Caetano e Vitória Falcão, a canção homenageia as raízes do duo até mesmo no título. Amarelo, azul e branco são as cores da bandeira do estado de Tocantins, onde ambas cantoras nasceram. “É que eu sou dum lugar / Onde o céu molha o chão / Céu e chão gruda no pé”, cantam as artistas.

Quase um ano após o lançamento, “COR” foi o vencedor do Grammy Latino de Melhor Álbum Pop Contemporâneo em Português, marcando o terceiro troféu de Ana e Vitória na premiação.


3º – “Por Supuesto” – Marina Sena

Reconhecida como uma das revelações de 2021, Marina Sena lançou este ano o seu primeiro disco solo, “De Primeira”. Logo após o lançamento do material, uma faixa se destacou: “Por Supuesto”, que fez sucesso com o refrão “Eu já deitei no seu sorriso / Só você não sabe / Te chamei pro risco / Então fica à vontade”. Na faixa, Marina encanta com um sotaque gostoso e um instrumental para lá de sofisticado.


2º – “Gueto” – IZA

Mais um grande acerto de IZA, que lançou em 2021 um dos singles mais representativos do ano. Com um refrão que não sai da cabeça e uma coreografia tão pegajosa quanto, “Gueto” é diversa, tem uma letra de fé e otimismo, e não soa clichê em nenhum momento. É sem dúvidas uma das melhores faixas da cantora e uma das melhores músicas nacionais de 2021.


1º – “A Queda” – Gloria Groove

É inegável o tremendo sucesso que o segundo single da Gloria Groove para divulgação do seu próximo álbum, “LADY LESTE”, chegou a alcançar. “A Queda” estreou no ranking da Billboard Global Exc. U.S., ficou vários dias no Top 10 do ranking brasileiro do Spotify e tomou a 1ª posição na aba de Músicas em Alta do YouTube.

A música trata sobre como a sociedade pode ser cruel e maldosa diante da vulnerabilidade das pessoas, ainda mais na internet e na propagação da cultura dos “cancelamentos”. Ponto também para o clipe, aliado à letra da canção, no qual Gloria mostra “um circo” de horrores enquanto está fantasiada de palhaça, convidando as pessoas a assistirem a sua “queda”.


O que achou da lista? Concorda com a seleção das melhores músicas nacionais de 2021? Acompanhe nosso Twitter, Instagram e TikTok, e veja o restante do especial de fim de ano do Tracklist:

Os 30 melhores álbuns internacionais de 2021
Os 30 melhores singles internacionais de 2021
Os 15 melhores álbuns nacionais de 2021
Os 20 melhores clipes de 2021
Os 15 melhores filmes de 2021
As 15 melhores séries de 2021
15 momentos marcantes da música e do entretenimento em 2021


“Gueto”, da cantora IZA, é uma das melhores músicas nacionais de 2021 de acordo com o Tracklist. Foto: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

GIPHY App Key not set. Please check settings

    Loading…

    0