Beyoncé, Taylor Swift e outras 3 inspirações para artistas da nova geração

Todos os anos, somos apresentados a novos nomes da música pop. Os mais novos, sem dúvidas, inspiram-se em uma geração anterior, que continua a fazer história. Confira as cinco grandes inspirações!

Por em 14 de abril de 2021

Inegavelmente, artistas como Olivia Rodrigo, Conan Gray e Chloe x Halle não serão esquecidos tão cedo. Chamados de “novas apostas do pop”, eles se inspiram na geração passada, artistas com mais de 10 anos de carreira. Por isso, reunimos cinco grandes inspirações para artistas da nova geração!

A imagem apresenta a cantora Beyoncé. Ela está em um show ao vivo, vestindo um colante azul marinho. A cantora, loira, olha para cima, enquanto põe o microfone para a plateia cantar. A imagem destaca a matéria: "Beyoncé, Taylor Swift e outras 3 inspirações para artistas da nova geração".
Foto: Reprodução

A cena musical do mundo inteiro é bastante dinâmica. Ao mesmo tempo que, todos os anos, somos apresentados a novos artistas, as sonoridades dos gêneros evoluem. É o que tem acontecido com o pop.

“Por muito tempo, as pessoas estavam interessadas em uma parede maximalista de som. Agora, elas estão muito mais interessadas em como criar um espaço aberto”, compartilha o produtor Daniel Nigro.

“Se trata de escolher sabiamente a instrumentação para que você tenha menos (som), mas bastante impacto”, afirma. Nigro produziu o hit “Driver’s License”, de Olivia Rodrigo.

Ainda de acordo com ele, há duas razões para que isso esteja acontecendo. A primeira é que artistas mais novos estão abandonando sessões de composição com produtores que não conhecem.

Em vez disso, eles trabalham individualmente com quem realmente entenda seus trabalhos. Um ótimo exemplo é o músico Jack Antonoff e suas bem-sucedidas parcerias com Lorde, Lana Del Rey, Troye Sivan e outros.

A outra razão, segundo Daniel, é Taylor Swift. Seus dois últimos álbuns, “folklore” e “evermore”, possuem sonoridades bastante introspectivas, íntimas e conduzidas pelo trabalho impecável dos vocais, letras e instrumentais.

“Ao menos para os artistas com quem eu trabalho, ela é a maior das influências na questão das letras e em como conduzir uma canção”, afirma o produtor.

“É sobre ser honesto. Quando eu estava produzindo músicas nos meus 20 anos, o que valia era ser metafórico e sugestivo. Hoje em dia, você precisa ser o mais literal e específico que puder”, finaliza Daniel.

Afinal, quais artistas foram inspirações para a nova geração da música?

1. Taylor Swift

Olivia Rodrigo, dona do hit “drivers license“, nunca escondeu que Taylor Swift é sua maior inspiração. Ela mesma diz ser a “maior swiftie do mundo”.

Ao lançar seu single de estreia, a voz de “Willow” comentou sobre o ótimo desempenho da canção. Swift disse que Olivia era o “bebê dela” e que estava muito orgulhosa.

Ao lançar a segunda canção de sua carreira, “Deja Vu”, alguns fãs perceberam uma leve semelhança com “Cruel Summer“, presente no álbum “Lover”, de Taylor. Em entrevista à revista Rolling Stone, a estrela da Disney confirmou a inspiração.

Na última terça-feira, Olivia finalmente divulgou a capa oficial e a lista de músicas de seu álbum de estreia. O disco se chamará “SOUR” e contará com 11 músicas. O lançamento está previsto para 21 de maio.

Outro artista da nova geração que também se inspira em Taylor Swift é Conan Gray. Em entrevista à rádio Apple Music 1, Conan expressou todo seu amor pela cantora: “Ela é minha número um acima de tudo”.

“[Taylor Swift] é meu ícone de compositora e nunca vou entender como ela faz o que faz e é simplesmente incrível. Ela recentemente […] colocou minha música, ‘Wish You Were Sober’, em seus stories no Instagram. […] Ela me mandou uma DM depois e foi tão, tão doce. Disse que meu álbum era perfeito, e eu fiquei tipo, ‘Taylor, isso é tudo que você precisa dizer. Eu posso morrer agora.’”

Trecho da entrevista de Conan Gray para Zane Lowe, da Apple Music 1

Dias antes de conceder essa entrevista, Conan havia usado seu Twitter para agradecer à Taylor Swift por ter escutado sua música e elogiá-la.

Leia também: Entrevista: Conan Gray fala sobre novo álbum, Taylor Swift, Brasil e mais

2. John Mayer

John Mayer começou sua carreira aos 20 anos. De lá para cá, o cantor conquistou uma legião de fãs com sua sonoridade única de blues e pop. Foi o que chamou atenção de astros como Eric Clapton e BB King, que elogiaram o músico naquela época.

Hoje, Mayer influencia o som de diversos ídolos pop, principalmente o de Shawn Mendes, que tem apenas 22 anos. O cantor amadurece cada vez mais seu som. É perceptível sua evolução desde “Handwritten” até “Wonder”, seu último álbum de estúdio.

Segundo Mendes, a faixa “Ruin” possui muitas influências de John Mayer.

Shawn e ele já colaboraram em alguns trabalhos e não descartam mais projetos no futuro. “É impossível conversar [com Mayer] sem algum tipo de conselho profundo sair da boca dele”, disse Shawn à revista TIME.

“Algo que ele nunca disse… é que ele pode ser o John Mayer – que, para mim, é o melhor guitarrista, compositor, artista – mas sempre pede conselhos para escrever músicas”, afirma o cantor.

“Para mim, essa é a grande lição: mesmo quando acham que você chegou onde queria, você não chegou. […] É onde está o verdadeiro amor pelo ofício e não há nenhum ego ali. Isso é algo que aprendi com ele. Eu nunca, nunca acho que sei tudo”, finaliza Shawn.

Além disso, Mayer parece gostar muito de trabalhar com Mendes. A estrela do blues e do pop já disse que a devoção de Shawn ao trabalho “é exatamente o motivo pelo qual pessoas com o dobro da idade [de Shawn] o estão acolhendo em suas vidas e playlists.”

3. Beyoncé

Em 2013, as irmãs Chloe x Halle viralizaram na internet ao postarem o cover de “Pretty Hurts”, de Beyoncé, no YouTube. Gravado na casa onde passaram a infância, uma semana depois, a agência Parkwood Entertainment as procurou para assinar com a dupla.

A dona da empresa é ninguém mais, ninguém menos, que a própria Queen B. Desde então, as irmãs já lançaram dois álbuns, se apresentaram na Casa Branca durante a presidência de Barack Obama e estrelaram a sitcom “Grown-ish”.

Assim como para outras vozes da nova geração, para as irmãs, grande parte de suas influências e inspirações vêm de Beyoncé.

“Sinto-me muito feliz porque recebemos esta plataforma incrível com Beyoncé e a Parkwood. Além disso, ainda podemos usar nossas vozes e contar a história que queremos contar e criar a música que queremos criar”, disse Chloe disse ao Vulture.

“Beyoncé sempre nos encorajou a confiar na nossa intuição. Sou muito grata porque alguns artistas não são capazes de fazer isso, mas nós somos e isso significa o mundo para nós”, concluiu.

“Beyoncé tem a habilidade de quebrar certas músicas e misturar duas ideias completamente diferentes que você nunca teria pensado que poderiam estar juntas. Ela transforma em uma obra-prima”, diz Halle.

“Uma das melhores coisas que pude presenciar tanto como fã, quanto pessoalmente, é a bondade [de Beyoncé]. Ela é humana, mas o jeito que ela bloqueia toda a negatividade, nunca responde às besteiras e apenas deixa a arte e o talento falarem por si sós, isso realmente inspira à minha irmã e a mim como jovens mulheres.”

Chloe sobre trabalhar pessoalmente com Beyoncé

4. Hayley Williams

Hayley Williams, do Paramore, sem dúvidas é a grande inspiração para Lynn Gunn. A artista certamente, sempre que pode, demonstra o amor pela banda em alguns toques em suas músicas.

Lynn viu a banda pela primeira vez abrindo o show para Jimmy Eat World quando ela estava na sétima série e diz que foi uma experiência de mudança de vida.

Em entrevista ao site Radio.com, afirmou: “Só me lembro daquela noite depois de assisti-los se apresentar e fiquei : ‘Ok, é isso que eu quero fazer. Eu quero fazer isso um dia.’ Desde então, tenho trabalhado para isso.”

Sobre Hayley, ela disse: “Você vê outra pessoa fazendo isso lá em cima e pensa, ‘Eu poderia fazer isso, ela é como eu.’ Esse foi um ponto de realização, porque ela era uma jovem que mandava muito bem. […] É inspirador.”

Durante uma premiação, em 2015, as cantoras finalmente se conheceram pessoalmente. “Foi muito legar ver Lynn Gunn. […] É bom ver que há outra garota que canta forte em meio às guitarras”, afirmou Hayley.

Em 2016, a PVRIS, banda a qual Lynn Gunn faz parte, lançou a faixa “You and I”. Após a estreia do videoclipe, a voz de “Into You” foi ao Twitter elogiar a canção. “Você é incrível e sua banda soa melhor do que nunca. Amei o vídeo novo”, escreveu.

5. Rita Lee

Rita Lee definitivamente tem é uma das principais inspirações para a nova geração da música brasileira. A dupla Anavitória sempre citou a compositora de maior sucesso da história da MPB como uma de suas grandes influências.

Falando sobre novas jovens no mercado musical, Rita mencionou em entrevista que sempre recebe mensagens de de outras mulheres que a citam como referência.

“Outro dia, recebi um recado da dupla Anavitória que achei muito fofo. Até sugiro que elas cantem ‘Menino Bonito’, só com violão”, disse a cantora. Alguns dias depois, a dupla foi convidada ao Altas Horas (TV Globo) e realizou o pedido de Rita Lee.

Em janeiro deste ano, Ana e Vitória lançaram o álbum “COR”. Logo na primeira faixa, quem está presente é Rita Lee. Em entrevista ao Tracklist, o duo falou um pouco sobre a parceria: “É algo como estar agradecida e honrada ao mesmo tempo, numa escala, forma ou sentimento que palavras não são suficientes.”


Você é fã de algum desses artistas? Quais outros cantores são inspirações para a nova geração? Não esqueça de comentar e acompanhar essa e outras notícias em nossas redes sociais.

Leia também: 5 artistas nacionais em ascensão para ficar de olho em 2021


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!