1 ano de ‘Fine Line’: as conquistas da era de ouro de Harry Styles

O segundo álbum de estúdio de Harry Styles, Fine Line, completa 1 ano esse domingo, dia 13. […]

O segundo álbum de estúdio de Harry Styles, Fine Line, completa 1 ano esse domingo, dia 13. A era é a maior da carreira solo de Harry e rendeu diversas conquistas para o cantor. 

Lançado dia 13 de dezembro de 2019, o Fine Line deu início a era de maior sucesso de Harry Styles até agora. Em um ano atípico, ele conseguiu se destacar e alcançar números e conquistas inéditas em sua carreira solo.

Além de seu impacto inegável na música, o britânico conseguiu expandir os horizontes e impactar também a moda, tornando-se o primeiro homem a estampar sozinho a capa da Vogue estadunidense.

Harry definitivamente dominou o ano de 2020 e mostrou que tem potencial e talento para crescer cada vez mais. Ele apresentou uma grande evolução musical em relação ao seu debut álbum autointitulado, e a expectativa para o que está por vir já é alta. 

Foto: Reprodução

O início da era Fine Line

Após dois anos sem novos lançamentos, Harry Styles voltou em outubro de 2019 com o lead single Lights Up, responsável por dar início a era. A música conquistou 4.65 milhões de streams no Spotify nas primeiras 24 horas, se tornando o maior debut de um ex-One Direction.

Em novembro, um mês antes do lançamento do álbum, o cantor divulgou as datas da Love On Tour na América do Norte e Europa. Mais tarde, em dezembro, as datas da América do Sul foram confirmadas, fazendo a felicidade dos fãs brasileiros. Infelizmente, devido a pandemia do Coronavírus, a turnê está adiada por tempo indeterminado na América do Sul. 

Algumas semanas antes do lançamento do álbum, Styles concedeu uma entrevista de 50 minutos para Zane Lowe, na Beats 1 Radio Friday do Apple Music. Em uma conversa tranquila e honesta, o cantor comentou sobre diversas faixas do álbum e sua liberdade no processo criativo do Fine Line

“Se você é feliz fazendo o que está fazendo, ninguém pode te dizer que você não é bem sucedido.”, foi uma das frases inspiradoras de Harry durante a conversa. 

No dia 13, para comemorar o lançamento do Fine Line, Harry fez um show único no The Forum, na Califórnia. Ele apresentou todas as músicas do álbum e recebeu uma convidada especial: Stevie Nicks. A vocalista do Fleetwood Mac é uma grande inspiração de Harry, que acabou também se tornando uma amiga ao longo dos anos.

“O Fine Line significa muito para mim. Quando tudo estava pronto eu ouvi e pensei ‘Meu Deus, os Beatles vivem!’”, disse Stevie em recente entrevista para a Vogue

“O álbum é de vocês. Eu sou de vocês. Não poderia pedir por um grupo mais incrível de pessoas para ouvir minhas músicas.”, disse Harry ao final do show.

Divulgação e performances

Desde o início, Harry e sua equipe mostraram muita criatividade quando se tratava de divulgação. O site Do You Know Who You Are, lançado juntamente com os pôsteres com a letra de Lights Up, foi um canal direto de interação com os fãs durante a era.

Para cada single, mensagens diferentes apareciam no site, assinadas por Harry. O site foi novamente atualizado hoje, em comemoração ao 1º ano do álbum.

fine line 1 ano
Foto: Reprodução/DYKWYA

Um dos grandes marcos da era foi a construção da ilha fictícia de Eroda, idealizada para o clipe do segundo single do álbum, Adore You. Toda a narrativa foi construída de forma muito bem elaborada para instigar a curiosidade dos fãs e fazê-los embarcar na história.

Durante a divulgação do álbum, Harry Styles participou de grandes programas de televisão, como por exemplo o SNL, onde foi o apresentador e atração musical. Ele participou de diversas esquetes, mostrando seu talento para atuação e comédia. Além disso, também entregou performances incríveis dos singles Lights Up e Watermelon Sugar.

O britânico também foi apresentador e convidado musical no The Late Late Show, de seu amigo James Corden. No programa, Harry participou do quadro ‘Crosswalk Concert‘ e fez um show em uma faixa de pedestres em LA.

Em fevereiro, Harry performou o single Falling no BRIT Awards, em Londres. Em um palco cheio de água, o popstar emocionou o público com toda a vulnerabilidade presente na música, mantendo-se fiel ao conceito do videoclipe.

Ele também presenteou os fãs com um show intimista no Tiny Desk Concert, performando versões acústicas de algumas das faixas do álbum.

Conquistas e aclamação da crítica especializada

Com certificado de Platina em mais de 12 países, Fine Line obteve grande sucesso comercial e agradou não só os fãs, como também a crítica especializada.

O álbum alcançou o topo do iTunes em mais de 20 países, entre eles: Estados Unidos, Canadá, Austrália e México, e já acumula mais de 4 milhões de cópias vendidas mundialmente.

Com 20 avaliações totais no Metacritic, Fine Line alcançou nota 76 no Metascore. Grandes revistas como Variety, The New York Times, The Guardian e Rolling Stone deram avaliações positivas sobre o álbum.

Segundo a revista GQ, Harry Styles é “o Rockstar que precisamos e o Popstar que merecemos”.

Harry também foi recentemente nomeado Hitmaker do Ano pela Variety, devido ao desempenho excepcional de Adore You e Watermelon Sugar em 2020.

Harry para Variety. Foto: Parker Woods

Billboard Hot 100 e Hot 200

O segundo álbum de estúdio do britânico debutou na primeira posição na importante Billboard Hot 200. O álbum passou duas semanas seguidas no topo, 15 semanas no top 10 e não saiu do chart desde seu lançamento, completando hoje 1 ano na parada.

Fine Line também rendeu o primeiro #1 de Harry na Billboard Hot 100, com Watermelon Sugar, que passou 14 semanas no top 10 do chart.

Além disso, ele colocou 6 outras músicas no chart, incluindo singles e não singles. Lights Up, She, Cherry, Adore You, Golden e Falling marcaram presença na Hot 100 juntamente com Watermelon Sugar.

Spotify

O Fine Line também está presente na lista do Spotify Wrapped de 2020.

O álbum aparece na 4º posição na lista de álbuns mais ouvidos do ano, enquanto Watermelon Sugar ocupa a 7º posição de música mais ouvida em 2020.

Além disso, no início do mês, antes mesmo de completar 1 ano de lançamento, Fine Line já somava mais de 3 bilhões de streams na plataforma.

Leia também: Harry Styles: os clipes da era Fine Line até Golden

Indicações ao Grammy

As primeiras indicações ao Grammy vieram para coroar essa era de extrema importância na carreira de Harry.

Fine Line foi indicado na categoria ‘Melhor Álbum Vocal Pop’, além de Watermelon Sugar em ‘Melhor Performance Pop Solo’ e Adore You em ‘Melhor Videoclipe’.

A cerimônia acontece dia 31 de janeiro de 2021 e já estamos ansiosos para saber se Harry vai levar seu primeiro gramofone para casa.

Para comemorar, nada melhor do que dar stream nesse álbum que se fez tão importante em um ano tão difícil, né?

Qual a sua música favorita do Fine Line? Conta pra gente no Twitter!


Por em 13 de dezembro de 2020

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!