Taylor Swift, com ME!, e outras parcerias BEM inesperadas
4 de agosto de 2020 por Marcus Gralha.

O mundo da música sempre nos traz grandes parcerias que ficam marcadas. Sejam por fazer um grande sucesso ou por ser uma grande decepção. Mas, e quando dois artistas totalmente diferentes se unem numa canção, o que podemos esperar? A seguir, listaremos várias parcerias inesperados que aconteceram nos últimos anos. E a primeira dessa lista é a Taylor Swift, com ME!

Taylor Swift – ME! (ft. Brendon Urie)

O comeback da cantora Taylor Swift, com Me!, em 2019 foi estrondoso. A música foi o primeiro single do sétimo álbum da cantora Lover. O álbum que conta com as algumas participações, traz a presença de Brendon Urie, da banda Panic! At The Disco, na canção “ME!”.

A canção quebrou diversos recordes na época em que foi lançada. Na época do lançamento, “ME!” tornou-se o vídeo de uma artista solo com mais views em 24 horas. A collab ganhou também, pela VEVO, o posto de vídeo mais visto em um dia na plataforma.

Taylor Swift, com “ME!“, estreou nas paradas do Spotify Global em primeiro lugar, com 7.94 milhões de streams. Esse número superou os próprios números de Taylor Swift com o hitLook What You Made Me Do”, que debutou com 7.9 milhões.

Madonna – Faz Gostoso (ft. Anitta)

A rainha do pop mundial convidou um dos principais nomes da música brasileira atual para fazer parte de uma das canções do seu álbum Madame X. A brasileira Anitta foi convidada a participar da canção “Faz Gostoso” ao lado de Madonna. A música é uma versão da música da cantora Blaya.

Ao gravar a música, Madonna falou sobre a experiência de cantar em português. A cantora tem uma boa compreensão do idioma pois vive em Portugal, mas não mesmo assim relatou dificuldades. “O português brasileiro é bem diferente do português de Portugal. Tive de aprender tudo de novo, jogar fora pela janela o que eu conhecia”. – disse Madonna

Muito se especulou nas redes sociais se a música ganharia um videoclipe, devido à diversos posts de Madonna em suas redes sociais com a tag #WaitingForAnitta. Contudo, a própria rainha do pop confirmou, em entrevista ao Fantástico, que não haveria clipe. Isso se deu ao fato de que a cantora já teria estourado o orçamento para o álbum.

Lady Gaga – Sour Candy (ft. BLACKPINK)

Lady Gaga deu um start em sua nova era, Chromatica, recentemente. Em um disco recheado de interludes e participações que se encaixaram muito bem ao disco, a participação das meninas do BLACKPINK chama a atenção. Além da promoção do grupo coreano em escala global, outro fato interessante é a presença do idioma coreano em uma parte da canção.

Lady Gaga falou ao canal japonês TV Groove como foi fazer o single com as meninas: “Eu liguei para o Blackpink e perguntei se elas gostariam de colaborar comigo na música. Elas ficaram muito entusiasmadas e felizes. Nós nos divertimos muito fazendo ‘Sour Candy’ juntas.” – falou Ladey Gaga

Gaga ainda comentou como ficou fascinada ao ouvir as meninas cantando em coreano: “Eu estava muito empolgada para ouvi-las cantando em coreano e eu falei para elas que a parte delas era extremamente criativa e empolgante. Eu fiquei impressionada ao ouvir as músicas do Blackpink. Elas são jovens lindas e muito talentosas. Estou muito orgulhosa por me tornar o quinto elemento do Blackpink com essa música”.

Rihanna – FourFiveSeconds (ft. Paul McCartney ft. Kayne)

Uma das músicas da cantora Rihanna que mais fez sucesso no ano de 2015 foi a “FourFiveSeconds”. A parceria de Kayne nem chega a ser surpresa, mas a presença do ex-Beatles Paul McCartney, mesmo que só no acordes deixou a música com grandes credenciais. O clipe hoje conta com quase 450 milhões de views no Youtube.

Shawn Mendes – YOUTH (ft. Khalid)

A união dos dois jovens cantores para a canção “YOUTH” ocorreu em um momento muito importante do cenário político norte-americano. A canção que fala sobre o poder da juventude faz parte do terceiro álbum autointitulado de Shawn Mendes. Para muitos fãs, a canção é um hino injustiçado do álbum do cantor canadense, já que merecia mais reconhecimento pela mensagem que passa.

A canção passa uma mensagem muito forte e bonita, principalmente em seu videoclipe, pois traz jovens líderes ao redor do mundo. Em sua turnê, Shawn Mendes The Tour, o cantor sempre antes de performar a canção falava sobre a importância e a força da juventude.

Outro momento marcante da história da canção foi durante a apresentação no Billboard Music Awards de 2018. Shawn e Khalid subiram ao palco da premiação para performar a canção e convidaram o coral da escola Marjory Stoneman Douglas que tinha sofrido um massacre poucos meses antes.

Ed Sheeran – Perfect (ft. Beyoncé)

Somente de ter a presença de uma das maiores cantoras ao seu lado em uma canção já é um grande motivo de destaque. Mas, e quando essa canção, que conta somente com um official audio, no Youtube, alcança mais de 216 milhões de visualizações? É claro que somente poderíamos estar falando de Beyoncé.

Ed Sheeran lançou uma nova versão da canção “Perfect” (do seu álbum “÷”) com Beyoncé ao seu lado no dueto. A nova versão da música alcançou todos os topos dos rankings musicais, e levou Ed Sheeran a emplacar duas canções de seu álbum na posição #1 dos charts da Billboard.

Logic – 1-800-273-8255 (ft. Alessia Cara ft. Khalid)

A música “1-800-273-8255”, lançada em 2017, traz uma importante discussão que tem ganhado cada vez mais espaço: a saúde mental das pessoas. A adição de Alessia e Khalid à canção ajudou a dar ainda mais visibilidade à essa pauta, principalmente entre os jovens.

Com uma mensagem extremamente importante tanto em a letra quanto videoclipe da canção, o cantor foi indicado em duas categorias no Grammys 2017 (Melhor Música do Ano e Melhor Videoclipe do Ano).

A performance da canção no VMA de 2017 foi extremamente impactante, principalmente quando Logic fez um discurso ao final da apresentação.
“Eu só quero agradecer por me oferecerem uma plataforma para falar sobre algo que a grande mídia não quer falar: saúde mental, ansiedade, suicídio, depressão e muito mais.” – iniciou o cantor.

“Do racismo, discriminação, sexismo, violência doméstica, agressão sexual e muito mais; Eu não ligo se você é preto, branco ou de qualquer outra cor. Não me importo se você é cristão, muçulmano, gay, ou heterossexual. Estou aqui para lutar por sua igualdade porque acredito que todos nascemos iguais, mas não somos tratados da mesma forma e é por isso que devemos lutar.”

BTS – Idol (ft. Nick Minaj)

A canção “Idol” de BTS já era um grande sucesso do álbum Love Yourself: Answer por ser o único single do álbum. Contudo, como tudo que já é bom pode melhorar, o grupo coreano convidou ninguém menos que Nicki Minaj para fazer uma participação numa nova versão da música.

Jessie J – Bang Bang (ft. Ariana Grande ft. Nick Minaj)

Um dos maiores hinos da metade da década de 2010, a canção “Bang Bang” se tornou um grande marco. Uma parceria entre Jessie J, Ariana Grande e Nicki Minaj alcançou grandes proporções numa época em que o pop clamava por hits. A canção entrou para os álbuns Sweat Talker e My Everything, de Jessie J e Ariana, respectivamente. O videoclipe da canção conta com aproximadamente 1,5 bilhões de visualizações.

Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.