Durante o fim de semana, alguns dos principais nomes do pop atual apresentaram-se em prol de uma boa causa. Nesse sentido, aconteceu no último dia 19 o evento anual organizado pela American Cancer Society, chamado “We Can Survive”.

Billie Eilish, Taylor Swift e Camila Cabello, por exemplo, foram alguns dos artistas presentes no show beneficente. O evento tem o intuito de levantar fundos para a luta e pesquisa contra o câncer nos Estados Unidos; na edição de 2019, mais de 130 mil dólares foram alcançados.

Lizzo também performou alguns de seus hits no evento, como “Truth Hurts” e “Tempo”.

Além disso, essa foi a primeira vez em que Lizzo e Camila se apresentaram no famoso Hollywood Bowl, e as duas tiveram até um pequeno encontro no backstage.

Para surpresa do público, Halsey fez uma aparição especial ao performar alguns de seus singles mais recentes, como o smash hit “Without Me”.

Além das cantoras solo, os Jonas Brothers fizeram parte do line-up cantando músicas de várias épocas de sua carreira. No caso, vale lembrar que a banda virá ao Brasil no final de 2020.

Taylor Swift agradece pela noite “poderosa” da apresentação

Taylor foi a artista escolhida para fechar a noite do “We Can Survive”. Na ocasião, a cantora apresentou as faixas “Shake It Off” e “Blank Space”, do “1989”, e alguns singles de seu recente álbum, “Lover”.

Conforme encerrou sua apresentação, Swift agradeceu pela oportunidade de performar no evento e falou sobre como a luta contra o câncer é algo importante para sua família; afinal, sua mãe está na batalha contra a doença já há alguns anos:

“Essa noite significa muito para mim e para minha família, e eu sei que alguns de vocês aqui hoje tem uma relação pessoal com isso e apreciam o fato de que esta noite beneficia a pesquisa sobre o câncer”.

Taylor Swift

Taylor virá ao Brasil em 2020 para um show único em São Paulo. Dessa forma, a venda geral dos ingressos começarão ainda esta semana, no dia 25.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.