Shawn Mendes e Camila Cabello

Shawn Mendes lança “Wonder”, um álbum sobre Camila Cabello

Na última sexta-feira (4), Shawn Mendes lançou seu quarto álbum de estúdio, intitulado Wonder. Seguido de […]

Por em 4 de dezembro de 2020

Na última sexta-feira (4), Shawn Mendes lançou seu quarto álbum de estúdio, intitulado Wonder. Seguido de um documentário da Netflix e um show lançado pela mesma plataforma, o novo disco contém 12 faixas. Dentre as canções, fica clara a inspiração de Shawn para compor: Camila Cabello. Afinal, tudo sempre foi sobre ela.

Por: Isabela Berrogain e Yan Avelino

Mendes é um compositor de mãos cheias quando o assunto é escrever músicas que falem sobre amor. Ele e Camila se conheceram quando abriram o show de Austin Mahone em 2014 e, desde então, foi amor à primeira vista.

Entretanto, nem tudo aconteceu da forma mais fácil. Só em 2019 o casal pôde finalmente ficar junto, mas isso não impediu Shawn de escrever sobre sua paixão durante os anos.

“Estávamos em Nova York e minha música tocou no rádio ou algo assim, e disse que aquilo era sobre ela, e eu fiquei tipo, ‘Sim, é sobre você. Tudo é sobre você. [As músicas] sempre foram sobre você’”, afirmou Shawn em seu documentário In Wonder, lançado pela Netflix.

Wonder, um álbum sobre amor

Se existiam dúvidas de que Shawn Mendes ama Camila Cabello, elas foram por água abaixo com o novo álbum do cantor. Wonder é todo sobre a garota — e nós já sabíamos disso.

No entanto, não imaginávamos que dez das catorze músicas fossem ser sobre ela. É praticamente uma declamação à la Roupa Nova: “Eu te amo e vou gritar para todo mundo ouvir”

“Acho que ambos somos super sensíveis, o que cria muita sensibilidade em nosso relacionamento”, afirmou Shawn em uma entrevista ao Entertainment Today.

“Somos compositores, então estamos constantemente em busca dos melhores assuntos da vida. Não sei, eu sou muito sentimental… sinto que ela provavelmente diria que sou muito mais sentimental”, finalizou.

Shawn Mendes e Camila Cabello
Shawn Mendes e Camila Cabello (Foto: Kevin Mazur/WireImage)

Ainda nessa entrevista, Shawn disse que escreveu Song For No One em um momento de solidão, ainda quando não namorava Camila. Apesar de a canção não ser dedicada a alguém em específico, sabemos que é sobre sua atual namorada. 

“Eu comecei a tocar uma parte realmente estranha no violão, super pequena. Tudo [na música] é muito triste”, disse sobre a criação da música. “[Eu] não estava com Camila na época. Eu estava com um pouco de ressaca e desejando estar com ela”.

No entanto, uma das maiores diferenças que Wonder traz é justamente a imagem de garoto imaturo que Shawn Mendes carregava consigo durante os dois primeiros álbuns. 

Teach Me How To Love, uma música ousada

Durante seu documentário na Netflix, o cantor falou um pouco sobre uma música que tem se destacado para seus fãs e para a mídia: “Teach Me How To Love foi a primeira música que fizemos no estúdio. Na verdade é uma das minhas músicas favoritas do álbum.”

Lyric video de Teach Me How To Love

E nem precisa dizer muito. Tudo isso fica ainda mais óbvio quando o cantor afirma: “Coloque minhas mãos em torno de você/ Ooh, me ensine como/ Tocar, provocar, acariciar e te agradar/ Me ensine a amar”, algo nunca antes visto em outras músicas do cantor.

Você não vai desenhar um mapa para mim?/ Atado com morangos/ E eu vou ficar de joelhos

Trecho da canção Teach Me How To Love

Os fãs estão adorando conhecer esse lado novo de Shawn Mendes.

Mais músicas sobre a amada

Shawn e Camila estão namorando há quase um ano e meio e é inegável que exista muita química entre eles. Isso fica bem elucidado na canção Always Been You: “Você é a única para quem meu coração continua voltando/ Sempre foi você/ Sempre foi você”.

Já em Piece of You, Mendes demonstra seu amor por Cabello sendo mais protetor com sua amada. Em determinado momento da canção, ele diz: “Todo mundo quer um pedaço de você/ Eu fico com ciúmes/ Mas quem não ficaria quando você aparece desse jeito/ Simplesmente não é justo”. 

Wonder e as inseguranças de Shawn

Apesar do tópico principal ser Camila, o canadense também achou espaço para falar de si mesmo e suas próprias inseguranças.

Essa não é a primeira vez que Shawn fala desse assunto nas suas músicas. Em seu single de 2018, In My Blood, ele se abriu em relação às suas batalhas com a ansiedade.

Videoclipe de In My Blood.

Mendes disse em inúmeras entrevistas que a pandemia e o processo de criar o álbum foram momentos de transição para ele. Agora, ele se sente muito mais seguro e confortável na sua própria pele do que se sentia no seu último lançamento, Shawn Mendes: The Album, mas ainda se questiona de muitas coisas.

Intro e Monster

A primeira faixa do álbum intitulada Intro nos mostra o que podemos esperar de Wonder. Nela, Shawn canta:

Você tem um milhão de rostos diferentes / mas eles nunca entenderão / a menos que você os deixe se aproximarem

Introdução do álbum Wonder.

A abertura serve como uma espécie de mantra para ele mesmo, se lembrando que, para as pessoas entenderem quem ele realmente é, ele precisa deixá-las entrarem no seu coração e na sua mente.

E é isso que ele tenta fazer ao longo do álbum: ser mais vulnerável que nunca, expondo seus sentimentos e mostrando suas verdadeiras facetas.

Em Monster, dueto com Justin Bieber lançado no final de novembro, os cantores fazem uma autorreflexão acerca da dificuldade de ter essa vulnerabilidade sob o olhar da mídia.

Videoclipe de Monster.

Segundo Shawn, a música é sobre “as pessoas colocarem as celebridades num pedestal e, ao mesmo tempo, quererem vê-las caírem”.

O refrão “Mas e se eu, e se eu tropeçar? / E se eu, e se eu cair? / Então eu serei o monstro? / Apenas me avise” dá luz aos medos dos cantores de demonstrarem suas imperfeições.

Call My Friends

Em Call My Friends, próximo single do álbum, o cantor fala sobre a saudade de casa e dos seus amigos. Em seu documentário, In Wonder, o assunto foi pauta de muitos momentos:

“Eu amo essas performances (da turnê). Eu nunca me diverti tanto na minha vida, mas, ao mesmo tempo, eu só quero passar tempo com os meus pais e assistir filmes, dirigir por aí no subúrbio, deitar num campo de futebol, fumar um baseado e olhar para as estrelas com meus amigos e comer carne seca”.

Lyric video de Call My Friends.

Além disso, Shawn conta da dificuldade de passar 3 meses sem ver seus amigos quando está em turnê.

Na música, ele fala dos momentos perdidos “Quantas noites eu perdi, yeah, eu perdi as contas / Não tenho visto o rosto de vocês há um tempo” e “Eu não quero perder outro aniversário / Parece que se passou uma eternidade desde os 19 / Eu só quero estar onde você está”.

Wonder, um álbum diferente

Wonder apresentou ao mundo um Shawn Mendes mais maduro do que nos seus últimos três discos. O álbum se destaca por sua ousadia, temática e experimentação.

Cada vez mais o cantor tem abandonado suas raízes do pop teen para entregar aos seus fãs um pop mais adulto, influenciado pela nostalgia de músicas de outras épocas. Wonder foi totalmente inspirado em músicas dos anos 60 e não decepciona quem decide apertar o play.

Apesar de Mendes ser um cantor e compositor de excelência, o álbum continua com seu mesmo jeito de fazer música. Refrões excelentes, vocais que transmitem seus sentimentos mais profundos e letras simples, mas que expressam todas suas sensações.

Shawn encerra o álbum com Can’t Imagine. Na música, ele fala sobre o medo de viver num mundo sem a pessoa amada. “Eu não consigo imaginar que mundo seria/ Sem você/ Todos os pássaros parariam de cantar/ Sem você/ Todas as coisas certas pareceriam tão erradas”.

A canção se parece com uma demo e faz com que o disco termine da mesma forma como começou: com uma música acústica. No final da gravação é possível ouvir Shawn falando “Legal, isso está bom por enquanto”.

Vídeo de Can’t Imagine.

E aí? O que achou do novo álbum do Shawn Mendes? Superou suas expectativas ou foi mais do mesmo? Comenta com a gente nas nossas redes sociais.


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!