"Rain on Me" torna-se o quinto #1 de Lady Gaga na Billboard Hot 100

Mulheres no topo! Com o lançamento da faixa “Rain on Me” no último dia 22 de maio, Lady Gaga conquistou mais um primeiro lugar. Ao lado de Ariana Grande, as cantoras tiveram seu debut já na liderança da parada semanal da Billboard Hot 100.

A collab atingiu um grande número de streams e vendas digitais na primeira semana de lançamento: 31 milhões de streamings (até a contagem do dia 28), e 72 mil vendas da faixa nas plataformas de compra. Nesse sentido, “Rain on Me” também ficou em primeiro em vendagem nos Estados Unidos.

A parceria ultrapassou o teto anteriormente alcançado por “Stupid Love”, lead single do “Chromatica”, que chegou em #5 no mês de março. Dessa forma, “Rain” é o quinto #1 de Gaga no famoso chart da Billboard, e o quarto de Ariana Grande. Ainda sobre Ariana, a cantora agora detém o recorde de maior número de debuts em primeiro na Hot 100, com quatro canções.

As artistas dão sequência ao marco de músicas com mais de duas mulheres no topo do chart. Na semana passada por exemplo, foi a vez do remix de “Savage” na liderança, de Megan Thee Stallion com Beyoncé; e na semana de 11 de maio, o remix de “Say So” de Doja Cat com Nicki Minaj. Desde o início da Hot 100, apenas sete collabs femininas pegaram #1.

Lady Gaga debuta em primeiro pela primeira vez desde “Born This Way”

“Rain on Me”, além de ser a quinta liderança de Gaga, também é a segunda vez que a cantora entra na parada logo em primeiro. A primeira vez foi há quase dez anos, com o lançamento do hit “Born This Way” em 2011. Na época, a música chegou no chart em 26 de fevereiro.

Os outros #1s de Lady Gaga incluem seu debut “Just Dance”, de 2009, “Poker Face” e “Shallow”, com Bradley Cooper. O principal single da trilha de “Nasce Uma Estrela” liderou a parada em março do ano passado.

Portanto, Gaga é a terceira artista no mundo da música a ter primeiros lugares em três décadas desse século (2000s, 2010s e 2020s), junto de Mariah Carey e Beyoncé.

“Chromatica” já foi analisado pelo Tracklist, e a resenha pode ser conferida aqui.

Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.