Por: Allan César e Tarcisio Boquady

Foto: Igor Toledo

Aconteceu entre os dias 7 e 8 de março no Memorial da America Latina, a primeira edição do Festival Grls. Com o line-up inteiramente feminino, o primeiro dia teve shows de Linn da Quebrada, Gaby Amarantos, Ludmilla e Kylie Minogue, além de talks e muito mais.

Foto: Divulgação GRLS!

Abrindo os trabalhos no palco, Linn da Quebrada trouxe toda a sua força para o festival. Referência em empoderamento sobre as causas LGBTQIA+, Linn foi a única artista trans a participar da primeira edição do evento. Músicas como “Necomancia” e “Bicha Preta” estavam presentes da setlist da artista.

Foto: Tarcisio Boquady

Gaby Amarantos trouxe um grande show para o GRLS. Começando com “Xanalá”, parceria com Duda Beat, a paraense dominou todo o espaço. Exaltando a cultura brasileira e o poder feminino, Gaby trouxe indigenas amazônicas para dançar carimbó e um balé composto apenas por mulheres negras. O ponto forte do show ficou com versões de feministas de músicas populares que antes tinham conotações machistas e foram refeitas pela cantora durante sua apresentação no festival.

Foto: Tarcisio Boquady



Convocada de última hora, Ludmilla sem dúvidas foi uma excelente substituição para Tierra Whack. Provando ser uma verdadeira himaker, Lud trouxe uma sequência de hits que não deixou ninguém parado. Com uma balé inteiramente feminino, a cantora cantou hits como “Invocada”, “Bom” e a nova “Pulando na Pipoca”, parceria com Ivete Sangalo.

Foto: Igor Toledo



O show principal da noite ficou por conta da veterana Kylie Minogue. Com toda estrutura do show de Glastonbury em 2019, a apresentação contou com banda, cenografia, dançarinos e 5 trocas de roupa. A australiana não escondia sua alegria durante toda a apresentação, estava até com um paletó bordado escrito Brasil nas costas. Solícita com os fãs desde sua chegada ao país, a cantora se emocionou ao ver o coro dos fãs durante On a Night Like This e quebrou o protocolo atendendo pedidos dos fãs que gritavam loucamente por “Your Disco Needs You” e “Come Into My World”. Ela também inseriu “In My Arms” no setlist especialmente para o público brasileiro. Uma verdadeira celebração a sua carreira musical que completa 35 anos em 2022.

Foto: Tarcisio Boquady

No Insta Stories do Tracklist você pode conferir tudo que rolou na estreia do Festival!



Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.