Maroon 5 anunciou o cancelamento de shows na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, por conta da lei anti-LGBT em vigor no estado que força pessoas trans a usarem o banheiro público de acordo com o sexo do nascimento.

A banda de Adam Levine descreveu a decisão como “difícil”, mas disse que era a coisa “moralmente certa” a fazer. 

O anúncio foi feito no website do grupo, onde é possível ler: “Nós anunciamos que iremos cancelar os próximos shows em Charlotte e Raleigh na Carolina do Norte, por conta da aprovação da lei HB2. Essa foi uma decisão difícil. Não queremos penalizar nossos fãs no Estado não nos apresentando para eles, mas isso é o que sentimos como moralmente certo.”As apresentações estavam agendadas para 11 e 12 de setembro.

Outros artistas também tomaram a mesma decisão. Ringo Starr, Pearl Jam, Bruce Springsteen, Demi Lovato e Nick Jonas fazem parte dos cancelamentos no estado.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.