Lançamento de novo disco do The 1975 é adiado para abril

A produção e lançamento do tão aguardado álbum do The 1975 sofreu mais uma reviravolta. Na […]

Por em 14 de janeiro de 2020

A produção e lançamento do tão aguardado álbum do The 1975 sofreu mais uma reviravolta. Na última segunda-feira, dia 13, o frontman Matty Healy fez uma live pelo Instagram para explicar a situação do novo disco. Em resumo, “Notes on a Conditional Form” acabou sendo adiado para o mês de abril deste ano.

Anteriormente, “Notes” estava programado para ser lançado em fevereiro, no dia 21, mas o release passou para o dia 24 de abril. De acordo com Matty, a mudança de data veio em decorrência da produção física das músicas para o disco de vinil; levando em torno de três meses para o formato ficar pronto.

“Nós estamos terminando nosso álbum, então nós temos estado bastante ocupados. Estamos finalizando ele e demora em torno de três meses, mais ou menos, para fisicamente fazer um disco em vinil. Então, ele sairá no dia 24 de abril, acredito. Me desculpe se isso é irritante ou qualquer coisa do tipo”.

Matty Healy

Apesar da nova data ser de praticamente dois meses à frente da original, Healy comenta que está “muito orgulhoso” do novo trabalho. O vocalista também diz que, levando em consideração o grande planejamento do álbum, “o delay não faz muita diferença”.

Esta não é a primeria vez que “Notes” é adiado às vésperas de chegar ao mercado. A princípio, os fãs da banda acreditavam que o release sairia em maio de 2019; depois, Matty declarou em entrevistas que a data oficial seria em agosto. Neste meio tempo, o grupo já performou algumas faixas da tracklist final em concertos de sua atual turnê.

The 1975 liberará single no dia 16

Para compensar a situação, o 1975 tem planos de divulgar uma canção por mês até o dia do “Notes” (que terá 21 faixas no total). No caso, a primeira delas será “Me & You Together Song”, que chegará às plataformas na próxima quinta-feira, dia 16 de janeiro.

Com isso, esta será a quarta música retirada do álbum inédito, sucedendo “The 1975” (com participação da ativista Greta Thunberg), “People” e “Frail State of Mind”.


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!