Talvez esta segunda-feira (19) seja o melhor dia para falarmos sobre separações bombásticas em boybands e girlbands — assunto este que hoje em dia tornou-se corriqueiro. Com o recente desligamento de Camila Cabello do Fifth Harmony, a cantora seguirá em carreira solo na tentativa de alçar novos voos tanto em questões comerciais quanto musicais.

Ainda não é possível dizer se Camila realmente alcançará ares inéditos como artista solo ou se ela não sairá do chão, mas atualmente, as paradas musicais de todo o mundo parecem abraçar tais separações. É o atual caso dos novos lançamentos de Zayn e Louis Tomlinson, ambos que passaram pelo One Direction, que estrearam em boas colocações nos Estados Unidos e no Reino Unido.

Enquanto Zayn entrou em estúdio com Taylor Swift para uma das parcerias mais inusitadas do ano, “I Don’t Wanna Live Forever (Fifty Shades Darker)”, Louis aparece como convidado especial de “Just Hold On”, novo single de Steve Aoki dedicado à sua mãe, que faleceu um dia antes do lançamento da faixa. Resumindo: ainda iremos ouvir muito essas canções nas rádios ao longo dos próximos meses.

Apesar disso, esta semana não foi só feita de novos singles. Exatamente um ano após o lançamento de seu antecessor, J. Cole lançou o seu novo álbum de estúdio, “4 Your Eyez Only”, novamente sem grandes apelos comerciais ou colaborações — algo raro nos discos de rap da atualidade — , e conseguiu uma grande estreia em sua terra natal, tal como a união entre Michael Ball e Alfie Boe em “Together”, trabalho que agora encabeça as tabelas da terra da Rainha após várias semanas subindo e descendo entre as primeiras posições.

BILLBOARD
ESTADOS UNIDOS

Tal como nas últimas cinco atualizações, “Black Beatles”, parceria entre o duo Rae Sremmurd e o rapper Gucci Mane, lidera a Billboard Hot 100. A canção obteve grandes percentuais nesta semana, com 32,7 milhões de streams e 61 mil downloads nos Estados Unidos, além de ter alcançado uma audiência de aproximadamente 92 milhões de pessoas nas rádios do país.

Apesar de tais números, estima-se que o domínio da canção não vá durar muito mais com a concorrência de “Starboy”, mais recente single de The Weeknd e Daft Punk que mantém números próximos aos da dupla e se encontra atualmente no segundo lugar da tabela, além de também liderar a lista de faixas de maior sucesso no iTunes americano.

Não são apenas canções lançadas há meses que ameaçam o topo das paradas de singles. “I Don’t Wanna Live Forever (Fifty Shades Darker)”, colaboração entre Zayn e Taylor Swift liberada na semana passada e produzida para a trilha sonora de “Cinquenta Tons Mais Escuros”, aterrissou na sexta posição e deve crescer ainda mais ao longo dos próximos meses, principalmente com a estreia mundial do filme, agendada para fevereiro de 2017. A canção recebeu 188 mil downloads em seus sete primeiros dias disponível, tornando-se líder na lista de canções mais vendidas digitalmente nos Estados Unidos.

Confira como são ocupadas as dez primeiras colocações da Billboard Hot 100:

1. “Black Beatles”, Rae Sremmurd e Gucci Mane (-)
2. “Starboy”, The Weeknd e Daft Punk (-)
3. “Closer”, The Chainsmokers e Halsey (-)
4. “24K Magic”, Bruno Mars (-)
5. “Side To Side”, Ariana Grande e Nicki Minaj (-)
6. “I Don’t Wanna Live Forever (Fifty Shades Darker)”, Zayn e Taylor Swift (*)
7. “Deja Vu”, J. Cole (*)
8. “Juju On That Beat (TZ Anthem)”, Zay Hilfigerrr e Zayion McCall (6–8)
9. “Let Me Love You”, DJ Snake e Justin Bieber (8–9)
10. “Don’t Wanna Know”, Maroon 5 e Kendrick Lamar (7–10)

Assim como na Billboard Hot 100, J. Cole também deixou seu nome entre as entradas da parada americana de discos — porém, diretamente no topo. Com o seu quarto álbum, “4 Your Eyez Only”, o rapper atingiu as marcas de 492 mil unidades vendidas, tornando-se a terceira melhor semana de estreia nos Estados Unidos em 2016, apenas atrás de “Views”, de Drake, e “Lemonade”, de Beyoncé.

Com os números da estreia de “4 Your Eyez Only”, J. Cole estabelece uma discografia com um contínuo crescimento de vendas nas semanas de entradas de seus quatro trabalhos de estúdio, igualando-se a nomes como Bruno Mars, Adele e Taylor Swift

Outro lançamento que agitou o mundo do rap foi “Stoney”, trabalho de estreia de Post Malone que teve 58 mil cópias comercializadas em seus primeiros sete dias nas lojas, conseguindo assim estrear na sexta colocação. Além disso, o disco também tornou-se o terceiro álbum mais reproduzido em plataformas de streaming nesta semana com 51,7 milhões de audições, apenas atrás de “4 Your Eyez Only” e “Starboy”, de The Weeknd, que cedeu a vice-liderança da Billboard 200 para “A Pentatonix Christmas”, do Pentatonix.

Dito isso, as dez primeiras posições da Billboard 200 ficam assim:

1. “4 Your Eyez Only”, J. Cole (*)
2. “A Pentatonix Christmas”, Pentatonix (3–2)
3. “Starboy”, The Weeknd (2–3)
4. “24K Magic”, Bruno Mars (6–4)
5. “That’s Christmas To Me”, Pentatoix (8–5)
6. “Stoney”, Post Malone (*)
7. “Hamilton (Original Broadway Cast Recording)”, elenco de “Hamilton” (11–7)
8. “Moana (Original Motion Picture Soundtrack)”, trilha sonora de “Moana: Um Mar de Aventuras” (9–8)
9. “Christmas”, Michael Bublé (13–9)
10. “Blue & Lonesome”, The Rolling Stones (4–10)

OFFICIAL CHARTS
REINO UNIDO

Pela sexta semana consecutiva, “Rockabye”, mais recente lançamento do Clean Bandit em colaboração com Sean Paul e Anne-Marie, encabeça a tabela de singles britânica. A faixa alcançou a marca de 15 mil downloads, o suficiente para manter-se no topo e aumentar ainda mais o recorde do grupo no Official Charts com a canção.

Apesar de não ter figurado nas primeiras colocações das paradas americanas, a parceria entre o DJ Steve Aoki e Louis Tomlinson, “Just Hold On”, aparece logo na segunda posição do Official Charts. A faixa foi performada na final britânica do “The X Factor”, apresentação esta que foi dedicada à mãe do ex-integrante do One Direction, Johannah Paulston, que faleceu um dia antes do lançamento da canção em sua batalha contra a leucemia.

A canção não foi a única alavancada pelo reality show. “When Christmas Comes Around”, single natalino do vencedor da competição, Matt Terry, assumiu a terceira colocação da tabela com apenas cinco dias à venda, e deve adquirir números maiores nas próximas atualizações.

Confira as dez primeiras posições da tabela britânica de singles:

1. “Rockabye”, Clean Bandit com Sean Paul e Anne-Marie (-)
2. “Just Hold On”, Steve Aoki e Louis Tomlinson (*)
3. “When Christmas Comes Around”, Matt Terry (*)
4. “Starboy”, The Weeknd e Daft Punk (3–4)
5. “Human”, Rag’n’Bone Man (8–5)
6. “Black Beatles”, Rae Sremmurd e Gucci Mane (2–6)
7. “Say You Won’t Let Go”, James Arthur (4–7)
8. “All I Want For Christmas Is You”, Mariah Carey (6–8)
9. “Sexual”, NEIKED e Dyo (5–9)
10. “Shout Out To My Ex”, Little Mix (7–10)

Após cinco semanas transitando entre as cinco primeiras colocações do Official Charts, finalmente a parceria entre Michael Ball e Alfie Boe em “Together” alcançou o topo da parada britânica de discos. O disco, que tem mantido boas vendas desde o seu lançamento, em novembro, ultrapassou “Blue & Lonesome”, mais recente álbum do The Rolling Stones, com uma diferença de cerca de 26 mil unidades vendidas entre ambos.

Com isso, “Together” se torna o primeiro disco de Alfie Boe a alcançar o topo do Official Charts, além de também ser o primeiro trabalho de Michael Ball a atingir tal marca em 24 anos. O último álbum do cantor a assumir a liderança da tabela foi o auto-intitulado “Michael Ball”, que marcou a estreia de sua carreira em 1992.

Confira as dez primeiras posições da parada britânica de álbuns nesta semana:

1. “Together”, Michael Ball e Alfie Boe (2–1)
2. “Blue & Lonesome”, The Rolling Stones (1–2)
3. “Glory Days”, Little Mix (-)
4. “The Wonder Of You”, Elvis Presley (-)
5. “24 HRS”, Olly Murs (-)
6. “The Heavy Entertainment Show”, Robbie Williams (7–6)
7. “Christmas”, Michael Bublé (6–7)
8. “Nobody But Me”, Michael Bublé (-)
9. “24K Magic”, Bruno Mars (-)
10. “Long Live The Angels”, Emeli Sandé (-)

Comentários

Artista do mês Adele
Alguns direitos reservados / 2013 - 2016.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.