A contagem regressiva que Taylor Swift estava fazendo em suas redes sociais finalmente chegou ao fim! Nesta sexta-feira (26/04), a cantora norte-americana lançou o seu tão esperado comeback, com nada menos do que uma parceria. “ME!” é um feat. com o cantor Brendon Urie, da banda Panic! At The Disco.

Confira a seguir:

O videoclipe de “ME!” foi dirigido por Taylor e Dave Meyers, responsável por vídeos como “Firework”, de Katy Perry.

“ME!” foi escrita com Brendon Urie e Joel Little (produtor do primeiro álbum da cantora Lorde).

Especulações sobre o TS7

Desde o início da divulgação da nova era, os fãs já haviam começado as especulações e teorias em volta do novo álbum, chegando até a reunir pistas para o álbum 7 de Taylor.

Mas as altas expectativas não ficaram somente por conta dos Swifties. Várias rádios internacionais prepararam uma programação especial para a chegada da nova música da cantora.

Em um post do Twitter, a rádio australiana KIIS já comentou que será uma sexta-feira dedicada especialmente a Taylor. A rádio irá tocar uma playlist das músicas de Taylor, sem parar.

Mural e entrevista antes de “ME!”

Com o comeback programado para o dia 26/04, os fãs esperavam que Taylor revelasse um trecho ou o nome da faixa em dias anteriores. Porém, nada disso aconteceu. Na verdade, a primeira aparição da cantora para promover o single aconteceu apenas no dia 25/04, em Nashville. E de modo inesperado.

À tarde, a artista Kelsey Montague começou a pintar um mural na cidade. Fãs logo associaram o desenho, de uma borboleta com asas coloridas, com a suposta nova Era de Taylor. Então, cerca de 200 pessoas se aglomeraram, esperando por uma aparição surpresa. E foi exatamente o que ocorreu. Taylor surgiu, tirou fotos no mural e com os fãs, e depois foi embora.

“Então a Kelsey Montague me ajudou a mostrar a melhor surpresa hoje em Nashville! Obrigada a todos que compareceram. Nunca estive mais orgulhosa das habilidades de detetive do nível FBI de vocês”, disse a cantora em publicação no Twitter.

A brincadeira sobre o FBI tem a ver com a habilidade dos fãs em descobrirem onde Taylor estaria, apenas por meio de algumas informações “soltas” na internet.

Mas o dia de divulgação não parou por aí. À noite, um banner do Spotify foi divulgado.

Logo depois, a cantora concedeu entrevista à rede de TV americana ABC. Na conversa, Taylor Swift anunciou o single e o videoclipe, além de falar um pouco sobre a faixa “ME!”. A canção é a primeira amostra do sétimo disco da americana, ainda sem nome ou previsão de lançamento. O álbum será o sucessor de reputation (2017).

“ME é uma música sobre abraçar a sua individualidade e se sentir bem consigo mesmo. É uma música POP. Com uma música pop, tínhamos a habilidade de colocar uma melodia chiclete na cabeça das pessoas e conseguimos uma boa”, disse a cantora.

As cores pastéis da nova era

As primeiras imagens divulgadas nas redes sociais da Taylor já indicavam que a nova era seria marcada por tons pastéis. Tanto é que um novo filtro do Instagram foi lançado especialmente para os fãs, ansiosos pela chegada do TS7.

Amigas de Taylor, como a cantora Camila Cabello, foram outras que usaram o filtro para demonstrar a animação sobre a nova música.

Além disso, emissoras de rádio também entraram na onda das cores pastéis, mudando seus avatares nas redes sociais para divulgar a nova era da Taylor Swift. A rádio americana The River foi uma delas, com direito à postagem no Twitter sobre a programação especial feita para a cantora.

Apresentação na revista TIME

Três dias antes do seu comeback com a música “ME!”, Taylor Swift se apresentou no evento TIME 100 GALA. Realizado na noite do dia 23/04, o encontro foi organizado pela renomada revista TIME. Vale lembrar que a TIME homenageou Taylor como uma das “100 pessoas mais influentes do mundo”.

Veja uma parte da apresentação à seguir:

Com a nova Era, Taylor Swift deve, finalmente, realizar uma turnê no Brasil. Segundo o jornal Destak, a cantora já está preparando sua vinda para 2020.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.