O ano de 2015 foi, sem dúvidas, um dos mais difíceis para os fãs da One Direction. O motivo? Eles tiverem que lidar não só com a saída de Zayn Malik do grupo, mas também com o doloroso anuncio de uma longa pausa. A notícia, no entanto, não abalou apenas quem acompanhava arduamente a boyband. Os integrantes, em especial Louis Tomlinson, sofreram, igualmente, com o “ponto e vírgula” colocado nessa história.

Agora, pouco mais de quatro anos desde o anuncio da pausa, Louis Tomlinson viu que era a hora de dar mais um passo em sua carreira. Após liberar diversos singles, o cantor planeja lançar “Walls”, seu primeiro álbum solo, em janeiro de 2020.

Em uma emocionante entrevista para a revista Stellar, o ídolo teen falou sobre o que ele mais sente falta na One Direction e o que esperar de “Walls”. Confira:

A experiência na One Direction

O período em que passou na One Direction foi, sem dúvidas, o momento mais importante da vida de Louis. No entanto, isso também rendeu algumas coisas não tão positivas quando o assunto é saúde mental. Quando questionado sobre sentir que recuperou a sua moral, ele responde:

“A experiência que tive na banda no início, quando sentia que tinha que lutar pelo meu lugar, abalou minha confiança. Porém, isso me fortaleceu como pessoa e como artista. Me forçou a compor (…) Provei para mim e para todos que posso fazer isso”.

Por sua vez, o cantor exaltou o que mais sente falta no grupo:

“A energia de escrever uma ótima música e compartilhar a experiência juntos, fazer os shows… Eu definitivamente sinto falta disso”.  

Louis Tomlinson sobre falar mais do que deve

Por várias vezes, Louis foi criticado por suas respostas afiadas e por não se calar diante de variados comentários. Sobre o assunto, o cantor explica:

“No início da minha carreira, meu pessoal dizia: ‘Qual é, Louis, não faça isso’, mas entrava em um ouvido e saia pelo outro. Algumas vezes olhei para trás e pensei: ‘Para ser justo, provavelmente não deveria ter respondido’, mas não conseguia evitar. Se você falar m*rda sobre mim, será questionado”.

Álbum Walls

Em seus últimos singles, Louis Tomlinson buscou, primordialmente, colocar todos os seus sentimentos nas letras. Esse fato, por sua vez, não ficará para trás quando o assunto é o álbum “Walls”:

“Minha intenção era ser honesto como compositor. Meus fãs já sabem muito sobre mim, mas no momento em que ouvirem o álbum, espero que saibam um pouco mais”.

A produção, entretanto, visa focar no amor do artista pela música e não em grandes hits:

“A opção mais fácil seria criar algo como um disco do Charlie Puth, mas nunca parecia fiel a mim porque não era o tipo de música que eu cresci ouvindo. Eu tive uma pequena epifania. Fiz coisas incríveis com a 1D, mas era hora de me concentrar e fazer o que realmente quero”.

Louis Tomlinson sobre a música “We Made It”

Em fevereiro de 2018, Louis Tomlinson “vazou” em seu Instagram um pequeno trecho da canção “We Made It”. Mais de um ano depois, ele comenta sobre o significado da faixa:

“Essa é uma música que escrevi há dois anos e meio. E, liricamente, foi mio que uma mensagem entre mim e os fãs… Nós fizemos isso juntos”.

Leia também: Louis Tomlinson fala pela primeira vez sobre a morte da mãe e irmã

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.