Grammy anuncia fim de comitê “secreto”; The Weeknd mantém boicote

Mudanças vêm após duras críticas à academia e acusações de corrupção por parte de The Weeknd

Por em 3 de maio de 2021

Após diversas críticas e até mesmo ameaça de boicote à premiação, a organização do Grammy anunciou na última sexta-feira (30) mudanças significativas em seu processo de votação, incluindo o fim dos comitês “secretos” que selecionam os indicados nas principais categorias da premiação. Esse anúncio vem após duras críticas de The Weeknd à academia no final do ano passado. 

Leia também: The Weeknd não é o 1º a dizer “não” para o Grammy! Veja a lista

Foto: Divulgação

A partir de agora, as principais indicações do Grammy, incluindo as chamadas “Big Four” (Álbum, Gravação e Música do ano e Artista Revelação), serão escolhidas pelos mais de 11 mil membros da academia. Anteriormente, a escolha ficava restrita a um grupo de 15 a 30 especialistas cujas identidades eram desconhecidas. 

Além disso, a organização do prêmio informou que fará um processo de requalificação com mais de 90% de seus membros até o final do ano. Como forma de garantir que as pessoas votem nas categorias que são mais qualificadas, a academia também reduziu de 15 para 10 o número de categorias que cada membro pode votar. As 10 categorias não devem estar dentro de mais de três campos e todos os eleitores têm permissão para votar nas “Big Four”.

Outra alteração anunciada pelo Grammy foi a adição de duas novas categorias para a premiação: Melhor Performance Global de Música (Campo de Música Global) e Melhor Álbum de Música Urbana (Campo de Música Latina). Além disso, também haverá ajuste em categorias menos polêmicas que envolvem processos de produção e apresentação. 

“Como uma academia, nós estamos reafirmando nosso compromisso de continuar conhecendo as necessidades dos criadores de música em todos os lugares, e as mudanças deste ano são um passo positivo e em tempo para a evolução do nosso processo de voto”, declarou Bill Freimuth, Chefe do departamento de prêmios na Recording Academy, em nota. “Nós confiamos na comunidade da música para nos ajudar a continuar evoluindo, e estamos gratos pelo apoio e liderança”, continua. 

Mudanças vem após duras críticas de The Weeknd

As mudanças no Grammy ocorrem depois de The Weeknd fazer duras críticas a academia e afirma que nunca mais irá submeter suas músicas ou participar da premiação. O cantor teve um dos álbuns mais aclamados de 2020, estreando na primeira colocação das paradas e se mantendo lá ao longo do ano todo. O intitulado “After Hours” foi um dos destaques de 2020, sendo figurinha carimbada em todas as premiações, mesmo assim o Grammy não considerou o disco válido de uma indicação.

Em novembro do ano passado, o cantor fez um post no Twitter afirmando que a premiação seria corrupta e que a academia devia satisfações a ele e seus fãs. “O Grammys continua corrupto. Vocês devem a mim, aos meus fãs e à indústria transparência”. Diversas personalidades saíram em defesa de The Weeknd, incluindo Zayn Malik, que pediu o fim dos comitês “secretos”, e Iggy Azalea, que acusou a premiação de ser “manipulada”.

Mesmo após mudanças, The Weeknd afirma que não irá participar do Grammy

Em entrevista exclusiva à revista Variety, publicada hoje (03), o cantor comentou sobre as mudanças na premiação. De acordo com ele, “a confiança entre a organização do Grammy e os artistas já foi quebrada há tanto tempo que seria imprudente levantar uma bandeira de vitória agora”. Apesar disso, o intérprete de “Blinding Lights” destacou a mudança como “um começo importante”.

“Eu acho que a indústria e o público precisam ver a transparência do sistema em jogo de verdade para o vencedor poder celebrar, mas é um começo importante”. O cantor continua a entrevista afirmando que “continua desinteressando em fazer parte do Grammy, especialmente com a própria admissão de corrupção durante todas essas décadas”. A revista posteriormente ressalta que não houve nenhuma “admissão de corrupção” no anúncio da academia.


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!