Willow Smith fala sobre parceria com Avril Lavigne e novo álbum

A cantora deu mais detalhes sobre os seus projetos futuros em entrevista à W Magazine

Por em 12 de maio de 2021

Willow Smith realmente embarcou em sua nova era punk. Após lançar o single “t r a n s p a r e n t s o u l”, em parceria com o baterista Travis Barker, a filha de Will Smith revelou em entrevista à W Magazine que seu novo álbum também contará com uma parceria com Avril Lavigne! O single se chamará “Grow” e terá uma pegada de pop-punk, relembrando a era de Lavigne em 2007, com o álbum “The Best Damn Thing”.

Leia também: Willow Smith lança novo single “t r a n s p a r e n t s o u l” com Travis Barker

Foto: Divulgação

A parceria com Avril Lavigne surgiu da vontade de Willow de trazer de volta à música aquele estilo punk dos anos 2007, quando Lavigne dominava as rádios com hits como “Girlfriend”, “Hot”, entre outros. “Eu queria que ‘Grow’ soasse como se estivesse na Rádio Disney em 2007, então eu me juntei com a Avril Lavigne. Eu queria aquela angústia da Avril de 2007”, declarou a cantora em entrevista à W Magazine.

“Quando eu escutei o que ela fez com o que eu mandei, eu senti como se tivesse me transportado de volta a minha pré-adolescência, no carro, gritando ‘I don’t have to try to make you realize!’. Foi além de qualquer alegria que poderia imaginar”. A faixa fará parte do novo disco de Willow, ainda sem data de lançamento.

Além da parceria com Avril Lavigne, o que já se sabe do novo álbum de Willow Smith?

Willow lançou o primeiro single de seu novo álbum no dia 27 de abril. A faixa “t r a n s p a r e n t s o u l” com Travis Barker mostra uma pegada de pop-punk, parecida com que ela já tinha feito em seu último projeto “The Anxiety”. O álbum, lançado em parceria com o cantor Tyler Cole, misturava diversos gêneros como pop, musica eletrônica e bastante influencia do punk.

Ainda durante sua entrevista à W Magazine, Willow Smith deu dicas sobre seu novo álbum. De acordo com a revista, a cantora abraçou de vez a sua era pop-punk e seu álbum juntará bastante influencia de rock. Ela ainda afirmou que sempre quis produzir um álbum de metal, inspirada em sua mãe, Jada Pinkett. Nos anos 2000, a mãe de Willow era a vocalista da banda de Nu Metal, Wicked Wisdom.

De acordo com a artista – que recentemente fez um cover ao lado da antiga banda da mãe -, “ver uma mulher negra e forte no palco, cantando rock era tão legal – mas muitas pessoas não estavam felizes em ver uma mulher negra naquele espaço”.

Willow ainda revelou que nunca imaginou ser capaz de escrever músicas de rock. “Eu fui treinada desde que eu tenho 8 anos para cantar R&B. Depois eu fiquei, quer saber? F*da-se. Eu entrei no estúdio e comecei a mexer nas coisas”. Ela decidiu colocar sua visão musical em prática durante a quarentena, produzindo algumas demos pois ela, literalmente, não tinha mais nada para fazer. A cantora ainda adiantou que haverá muitas coisa legais e criativas que ela irá explorar durante esta nova era, não necessariamente relacionada à música.


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!