7 de abril de 2019 por Redação Tracklist.

Mesmo com a chuva e a paralisação do festival, o segundo dia de Lollapalooza 2019 (06/04) foi cheio de bons momentos. Inclusive quando as atrações nos palcos eram “menos conhecidas” do grande público.

Duda Beat, por exemplo, chamou a atenção por sua voz e performance impecável. O palco eletrônico do Lolla também não ficou para trás, com nomes que têm se destacado no gênero.

A seguir, nós contamos tudo o que esses “artistas secundários” proporcionaram ao público. Um spoiler: de secundários eles não têm nada!

Você também pode acompanhar as nossas coberturas (EM TEMPO REAL) no Twitter e Instagram.

E que tal saber tudo sobre os shows que rolaram no primeiro dia de Lollapalooza 2019?

Continue acompanhando o site — estamos preparando vários conteúdos especiais sobre o festival.

LOLLAPALOOZA 2019 – DIA 2

PALCO ONIX

CATAVENTO

Fonte: Hannah Carvalho

O segundo dia do festival Lollapalooza Brasil começou cedo, às 11h50, e a primeira atração a subir no palco foi a banda Catavento. O grupo, que vem de Caxias do Sul, apresentou faixas mais antigas, mas também do seu 3° álbum, “Ansiedade na Cidade”, de 2018.

Apesar de apresentar um setlist reduzido (em comparação aos que eles apresentam em shows solo), a qualidade da performance de Catavento não foi comprometida em nada. Pelo contrário!

Seu som psicodélico e alternativo contagiou o público. Um feito impressionante, visto que, além de ser uma atração nacional, a banda era também a primeira do dia. A plateia ainda não tinha seus previstos 92 mil fãs, mas se divertiu com o grupo.

PALCO ADIDAS

DUDA BEAT

Fofo: Divulgação/Lollapalooza

Duda Beat levantou o segundo dia de Lollapalooza com sua mistura de pop, brega, reggae e outros gêneros. Vestindo uma roupa prateada e acompanhada de uma equipe de dançarinas, a cantora pernambucana cantou sucessos de seu álbum “Sinto Muito”, lançado ano passado, como o hit “Bixinho”.

O terceiro show do dia — ao mesmo tempo do Carne Doce, que rolou no palco Budweiser — encheu o gramado do Autódromo, que pulava e dançava junto ao carisma da artista.

A parte política também se fez presente: ao fim do show, no telão, a frase “Fora Bolsonaro” piscava e ganhou apoio e reforço do público.

Duda ainda cantou seu novo single “Chama” e, para isso, convidou Jaloo e Mateus Carrilho ao palco. Mesmo sendo novidade, a canção foi entoada a plenos pulmões pelo público.

Duda Beat conversou com o Tracklist durante o Lolla. Fique ligado no site: logo mais, você poderá conferir nossa entrevista!

PERRY’S BY DORITOS

ILLUSIONIZE

O DJ Pedro Mendes, mais conhecido como Illusionize, foi o primeiro a pisar no Palco Perry’s nesse segundo dia de Lollapalooza. Pedro, que iniciou sua vida no ramo musical aos 6 anos, veio se tornar DJ aos 15.

Completando 10 anos de carreira, o DJ preparou um setlist especial para a sua segunda apresentação no Lolla. O show agradou muitas das pessoas que estavam pelo Autódromo — e até quem estava em casa.

LIU

O DJ Liu, que teve sua estreia no Lolla esse ano, fez o público jovem pular com seu novo hit, “Chinatown”. Outros dos seus grandes sucessos também animaram o público, como “Don’t Look Back”, “All I Want” e “Bolum Back” (esses dois últimos, parcerias com o DJ Alok).

DUBDOGZ FT. VITOR KLEY

Foto: Tatiane Suura

Os irmãos gêmeos da Dubdogz até subiram ao palco do Lolla, mas tiveram seu show interrompido pouco após o seu início. O motivo foram os raios e uma tempestade que caiu na região metropolitana de Interlagos. A apresentação, que teria Vitor Kley cantando junto, não foi retomada.

CHEMICAL SURF

Já os irmãos da Chemical Surf tiveram o show cancelado, também devido às fortes chuvas.

GRYFFIN

O DJ estadunidense Dan Griffith subiu ao palco do Lolla após o temporal que caiu na área do festival. Com tempo reduzido, ele não pôde tocar seu setlist completo. Mas, durante os 30 minutos que ficou no palco, o músico colocou todos para pularem com suas faixas.

VINTAGE CULTURE

Foto: Tatiane Suura

Sem sombra de dúvidas, o DJ brasileiro Lukas Ruiz, mais conhecido como Vintage Culture, foi a atração principal do Palco Perry’s. Ele arrastou uma multidão para assistir o seu show!

Vintage fez uma performance incrível, com uma estrutura cheia de pirotecnia e luzes, e apresentou um setlist recheado de hits já conhecidos do público. Entre as faixas estavam “Save Me”, “Pour Over”, “Memories”, “Losing”, “Sweet Disposition”, além de remixes de sucessos como “Radioactive”, do Imagine Dragons, e “Banho de Chuva”, de Vanessa da Mata.


KUNGS

A última atração a subir no palco foi o francês Valentin Brunel, ou DJ Kungs. Estreando no Lollapalooza Brasil, ele fechou a noite com os hits “This Girl”, “Be Right Here” e “I Feel so Bad”, além de “I am so tired”, do Troye Sivan, e “This is What You Came For”, de Calvin Harris e Rihanna.

STEVE AOKI

A chuva não atrapalhou em nada o show de Steve Aoki. Muito pelo contrário: ela fez com que a energia da galera se renovasse, para curtir a última atração do segundo dia do festival.

O palco Doritos ficou pequeno para o DJ, que se mostrou bem eclético na escolha de sua setlist. Ele incluiu sons como “Bela Ciao”(trilha da famosa série La Casa de Papel), “Wast It On Me” (colaboração com o grupo BTS), “Just Hold On” (feat. com o ex-One Direction Louis Tomlinson), e alguns funks brasileiros.

Aconteceu também a cena clássica de seus shows, que não pode ficar de fora: o momento que Steve joga bolo na plateia, levando o público ao delírio. Era de se notar que ele estava se divertindo, tanto quanto as pessoas que foram prestigiá-lo.

O DJ americano disse diversas vezes que ama o Brasil e, no final de sua apresentação, atendeu ao pedido de um fã. Ele segurava um cartaz pedindo, em inglês, um abraço. Steve foi bem pertinho da plateia e se jogou nos braços da galera.

Não se esqueça de acompanhar as nossas coberturas (EM TEMPO REAL) no Twitter e Instagram!

Com a colaboração de Marcus Gralha, Luciana Lino e Andressa Gonçalves.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.