Ariana Grande foi às redes sociais nesta semana para publicar um texto desabafando sobre a objetificação e o empoderamento femininos após encontrar-se com uma fã de seu namorado, Mac Miller, ao lado do próprio rapper.

Segundo a cantora, ambos estavam de saída quando o tal fã aproximou-se de Miller em seu carro de forma animada. “Eu estava achando tudo aquilo fofo e animador até que ele disse: ‘a Ariana é muito sexy, cara! Consigo te ver pegando essa!'”, escreveu, além de declarar ter se sentido “enojada e objetificada” após o ocorrido.

Ao longo do restante do texto, Ariana dá início a uma longa discussão sobre a objetificação feminina, tema este que já foi debatido pela cantora em outras ocasiões públicas e é usualmente abordado através de suas redes sociais.

Leia o texto publicado por Ariana Grande em suas redes sociais traduzido na íntegra:

“Fui comprar comida com o meu namorado esta noite e um jovem garoto nos seguiu até o carro para dizer a Mac [Miller] que era um grande fã. Ele falava alto e estava entusiasmado enquanto [Mac Miller] estava sentado no banco do motorista e ele estava literalmente quase dentro do carro conosco. Eu estava achando tudo aquilo fofo e animador até que ele disse: ‘a Ariana é muito sexy, cara! Consigo te ver pegando essa!’

‘Pegando essa’? Que porra?

Isso pode não parecer grande coisa para alguns de vocês mas eu me senti enojada e objetificada.  Eu também estava sentada lá quando ele disse isso. Eu me senti realmente machucada desde aquele momento. Coisas assim acontecem a todo o tempo e são os tipos de momentos que contribuem para o senso de medo e inadequação das mulheres. Eu não sou um pedaço de carne que algum homem utiliza para seu prazer. Eu sou um ser humano adulto em um relacionamento com um homem que me trata com amor e respeito.

Dói meu coração [saber] que tantos jovens estão tão confortáveis usando essas frases e objetificando as mulheres com tamanha facilidade.

Eu senti que precisava comentar sobre essa experiência porque eu sei muito bem que a maioria das mulheres conhecem a sensação de quando são mencionadas de maneira desconfortável publicamente ou já teve a vantagem tirada por um homem publicamente. Nós precisamos falar sobre esses momentos porque eles são prejudiciais e vivem dentro de nós em forma de vergonha. Nós precisamos compartilhar e sermos presentes quando algo nos faz sentir desconfortáveis porque senão, isso vai continuar. Nós não somos objetos ou prêmios. Somos rainhas.”

Comentários

Alguns direitos reservados / 2013 - 2016.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.