Lorde: 5 teorias e tudo que já sabemos sobre o álbum “Solar Power”

A cantora voltou com tudo em seu novo single e alguns fãs já começaram a criar teorias sobre o novo trabalho. Confira algumas delas e o que já sabemos sobre ele!

Por em 15 de junho de 2021

Lorde voltou com tudo em seu novo single, “Solar Power”, que também dá nome a seu próximo álbum. Depois de um retorno impecável, alguns fãs começaram a criar teorias sobre o trabalho da cantora. Além disso, separamos o que já sabemos sobre ele. Confira!

Leia também: Lorde retorna à música com novo single “Solar Power”; confira

"Lorde: 5 teorias e tudo que já sabemos sobre o álbum "Solar Power""
Foto: Divulgação

Há alguns dias, inclusive, Lorde enviou uma carta aberta aos fãs, confirmando o nome do álbum e contando o que podemos esperar dele. Vale notar que o e-mail tem 21 de junho — data que começa o verão no hemisfério Norte. Seria essa a primeira dica?

É um prazer divino apresentar a vocês, finalmente, meu terceiro álbum de estúdio, “SOLAR POWER”. O álbum é uma celebração do mundo natural, uma tentativa de imortalizar os sentimentos profundos e transcendentes que tenho quando estou ao ar livre.

Em tempos de angústia, tristeza, amor profundo ou confusão, procuro respostas no mundo natural. Aprendi a expirar e sintonizar.

E não parou por aí, a cantora apresentou os fãs a um alter ego ou uma personagem própria. “Há alguém que eu quero que você conheça. Seus pés estão descalços o tempo todo. Ela é sexy, brincalhona, selvagem e livre,” escreveu.

Ela é uma garota moderna em um biquíni, em contato com seu passado e seu futuro, vibrando no mais alto nível quando o verão chega. Sua pele brilha, seus amantes são muitos. Estou completamente obcecada por ela e em breve você também ficará.

Tal como o site Lorde Brasil apurou, a artista neozelandesa ainda disse aos fãs que “há muitos mais detalhes por vir — uma quantidade verdadeiramente cômica de detalhes.” E complementou: “Você pode olhar para o calendário natural em busca de pistas”. O que será que vem aí?

https://twitter.com/LordeBrasil/status/1403116441944178688?s=20

5 teorias que os fãs criaram sobre o “Solar Power”, novo álbum de Lorde

1. Pegou o conceito?

O portal Lorde Updates Brasil recentemente iniciou uma teoria contrapondo o “Melodrama”, último álbum da artista, com o atual. “O cenário do Melodrama era uma festa, já o cenário do Solar Power é a praia”, indicando que podem vir conceitos bem diferentes do que esperávamos.

Além disso, o portal relata uma entrevista recente de Lorde à rádio Triple J em que a artista afirma ter gravado vários vídeos na mesma praia do “Solar Power.” Estaríamos diante de um álbum visual?

Isso, claro, sem contar com o trecho em que ela afirma que esse trabalho é o mais complexo como compositora e produtor. Portanto, será que há muitas surpresas aguardando os fãs?

2. Depois do sol, vem a escuridão

Alguns fãs têm uma teoria que liga um e-mail enviado por Lorde com o anúncio do álbum e os videoclipes que ela afirmou ter gravado.

Como muitos acreditam que esse pode ser um álbum visual, a cantora pode interpretar uma personagem — esta, empoderada pela luz solar. E, da mesma forma que há o sol, há também a escuridão. Portanto, a artista pode brincar com o poder da estrela e usar isso a seu favor.

Alguns acreditam que há mais do que um simples “verão quente” e que a energia do clipe de “Solar Power” seja apenas uma porta de entrada para uma virada no meio do álbum.

Com um álbum carregado de conceitos, há a possibilidade de Lorde interpretar uma personagem das influências pessoais que vimos nos dois últimos álbuns.

3. Você conhece a palavra de Lorde?

No pré-refrão da música, Lorde (ou sua personagem) canta que é um “tipo de Jesus mais bonito” e, desde a sexta-feira, os fãs tiraram um tempo para refletir no trecho ela diz: “Esqueça as lágrimas que você chorou”, enquanto vozes ecoam: “Acabou”.

Dessa forma, alguns creem que “Solar Power” seja um convite a alguma religião — talvez a própria. Um fã, inclusive, se atentou ao fato de a canção ser bastante repetitiva no final, tornando-a cativante e fácil de memorizar.

Portanto, há quem acredite que o álbum seja sobre uma religião a qual Lorde (ou sua personagem) esteja no centro e a primeira música um convite para que mais pessoas se juntem.

A religião, disse o fã, seria ligada às causas ambientais, algo já “apontado” no videoclipe da faixa. O fato de ela apontar a câmera para longe do lixo na praia apoiaria a ideia da suposta religião ser uma espécie de parábola ambiental.

Haja vista que a artista já disse que as mudanças climáticas e sua viagem à Antártica são grandes inspirações para o álbum, talvez isso faça sentido.

4. Lorde e os dilemas das redes sociais

Há quem suponha também que o novo álbum da cantora busque retratar a atual situação dos que se tornam escravos das redes sociais.

De acordo com alguns admiradores, Lorde estaria conduzindo a um lugar onde todos são livres — o que talvez explique a artista ter sampleado a canção Freedom! ’90” do George Michael. Dessa forma, na praia onde é ambientado o clipe de “Solar Power”, todos podem ser quem quiserem sem as pressões e expectativas do mundo.

Essa também pode ser a razão pela qual a cantora não anunciou o lançamento do single em nenhuma social, apenas em e-mails para os inscritos no seu boletim de notícias ou por publicações de amigos e colegas.

A praia, que ainda não teve seu nome fictício revelado, seria lugar muito feliz onde as pessoas esqueceriam as mágoas. Além disso, celulares não seriam permitidos nesse local.

Ainda assim, há um trecho em que Lorde diz que não há como alcançá-la. Talvez essa seja uma alusão à dependência que a internet causa em algumas pessoas e que, dessa forma, será difícil para que as pessoas não usem telefones e redes sociais novamente.

5. Anavitória tem “Azul, amarelo e branco”, Lorde teria “Preto, azul e amarelo”

A última teoria que separamos sugere que “Solar Power” seria uma continuação do que Lorde criou nos dois primeiros álbuns, “Pure Heorine” e “Melodrama”. Em ambos, a cantora destacou uma única cor: preto e azul, respectivamente.

Assim sendo, o amarelo do sol seria uma sequência deles. De acordo com essa teoria, a artista teria “abraçado” as sombras que cultivou nos seus dois discos e aprendido a domar seus demônios ouvindo guias espirituais.

Até na expressão dos atores que acompanham Lorde no videoclipe do single os fãs observaram. Segundo eles, eles estão lá justamente para representar essas sombras que a artista agora convive.

Ela corre como uma criança e brinca com eles, como se dissesse que que não há como ter ordem sem caos. “Não perca a criança dentro de você”, é a mensagem que os fãs interpretaram.

Além disso, eles acreditam que Lorde pode ter dito que os problemas são inevitáveis, “apenas siga em frente e aproveite a vida.”

Na última parte do clipe, há cinco meninas correndo em direção ao oceano, brincando e sorrindo. Segundo o fã que escreveu essa teoria, baseado na fé cristã, ser batizado nas águas simboliza o renascimento ou “nascer de novo”.

Lorde estaria dizendo que está se transformando em uma nova pessoa e nos dá as boas-vindas em uma nova era. Ela é a única vestida de cores vivas e as outras apenas usam roupas lisas ou em tons neutros.

O que já sabemos sobre o disco?

O título é inspirado em sua viagem à Antártica

Em entrevista à revista neozelandesa NewsHub, no início deste ano, a cantora revelou que decidiu o título do álbum na mesma época de sua viagem.

Aparentemente, ver pinguins, fazer leituras da temperatura do gelo e patinar fizeram Lorde ter ideias brilhantes e inspiradoras. “Na verdade, decidi o nome do álbum bem nessa viagem”, disse ela. “Quando havia acabado de voltar, pensei: É isso que é.”

O álbum deve ser lançado antes de junho de 2022

Talvez a notícia mais esperada pelos fãs seja quando o álbum sairá, mas ainda não há uma data cravada. Tudo que já sabemos é que ele será lançado antes de junho do próximo ano.

É que, na verdade, Lorde está programada para ser a atração principal do festival Primavera Sound de Barcelona, ao lado de outras estrelas como Dua Lipa, Tyler, The Creator e mais.

O festival acidentalmente deixou escapar que o álbum precederá seu grande retorno aos palcos do festival. O comunicado para a imprensa que dizia isso foi editado e agora afirma que sua performance marcará o retorno depois de muito tempo.

Lorde está trabalhando com Jack Antonoff novamente

Nos últimos anos, a estrela neozelandesa tem dado diversas informações sobre a produção de seu próximo álbum por meio de seu boletim informativo. Uma das novidades incluem que Lorde tem trabalhado com o mesmo produtor do “Melodrama”, Jack Antonoff.

Em um e-mail para seus fãs no ano passado, a cantora revelou que ela e Antonoff começaram a trabalhar no álbum antes da pandemia, voando entre Auckland e Los Angeles, até que o isolamento social começasse.

“Ainda estamos trabalhando – Jack e eu conversamos por FaceTime por mais de uma hora esta manhã repassando tudo. Mas vai demorar um pouco mais”, tranquilizou seus fãs no ano passado.

E tudo indica que vai valer a pena esperar! A própria artista disse isso em um boletim informativo: “O trabalho é muito bom, meus amigos. Estou animada para que vocês ouçam.”

“Solar Power” apresenta os vocais de Phoebe Bridgers e Clairo

Depois de semanas de especulações, “Solar Power” finalmente chegou. Produzida por Jack Antonoff, escondidos nos créditos da música estão dois outros grandes nomes que também trabalharam na faixa: Phoebe Bridgers e Clairo, que ajudaram com os vocais de apoio.

Sonoramente, “Solar Power” é bastante diferente do que a cantora trabalhou nos últimos dois álbuns, haja vista que partindo do pop elegante e maximalista do melodrama para abraçar um tipo de euforia mais acústica e ensolarada.

Apesar de a faixa ser o primeiro lançamento de Lorde em quatro anos, ela sofreu um lançamento um pouco confuso. A faixa lançada em algumas plataformas de streaming na tarde da quinta-feira, 10 de junho e rapidamente retirada.


O que você achou do novo single? Está ansioso para o álbum “Solar Power” de Lorde? O que você espera do novo trabalho da cantora? Comente e acompanhe essa e outras notícias pelas nossas redes sociais.


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!