in , ,

Show de Fresno no Lollapalooza tem “Fora Bolsonaro” e Lulu Santos

Os artistas contrariaram a decisão do TSE de proibir manifestações políticas durante o festival

Fresno Lollapalooza Brasil
Créditos: Isabella Zeminian

Por Silvana Sousa e Luciana Lino – Ignorando a última decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que proibiu manifestações políticas durante os shows do Lollapalooza Brasil 2022, sob pena de multa de 50 mil, a banda Fresno abriu seu show no festival com uma projeção pedindo a saída do presidente Jair Bolsonaro do cargo.

A decisão de vetar as manifestações foi do ministro Raul Araújo, que alegou em documento que os artistas fizeram uma clara propaganda eleitoral — uma provável referência a Pabllo Vittar, que levantou uma bandeira de Lula ou mesmo Emicida, que se referiu ao festival como “Lulapalooza”.

“Os artistas e cantores referidos que se apresentaram no evento musical em testilha, além de destilar comentários elogiosos ao possível candidato, pediram expressamente que a plateia presente exercesse o sufrágio em seu nome, vocalizando palavras de apoio e empunhando bandeira e adereço em referência ao pré-candidato de sua preferência”, diz o ministro no documento.

O vocalista Lucas Silveira do Fresno gritou “Fora Bolsonaro” no microfone durante a música “Fudeu!!!”, canção do álbum Vou Ter Que Me Virar (2021). No setlist da banda, a faixa “Vou ter que me virar” abriu a apresentação, enquanto “Manifesto” foi dedicada a Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters — ele foi encontrado morto em um hotel na Colômbia na noite de sexta-feira (25).

Leia Mais: Lagum se destaca no Lollapalooza e comenta sobre último álbum

Fresno fala ao Tracklist sobre show e parceria com Lulu Santos

Em entrevista ao Tracklist realizada após o show, a banda afirmou que foi o maior show que já fizeram na vida. Essa foi a primeira apresentação após a pandemia. “Foi diferente de todos os outros. Foi a primeira vez do show com esse álbum, primeira vez dessa formação”, disse o vocalista Lucas Silveira.

O grupo também relatou o medo de um possível cancelamento da apresentação por conta do risco de fortes chuvas na região do Autódromo de Interlagos. “Em mil shows da banda, essa tensão [de não saber se o show aconteceria por conta da previsão do tempo] aconteceu umas quatro vezes, e hoje foi justamente a quinta”, pontua o guitarrista Gustavo Mantovani, o Vavo.

Questionados sobre a participação de Lulu Santos no show, a banda diz que foi histórico. “[Causa um] sorriso muito grande”, afirma o baterista Thiago Guerra. Depois da parceria com o artista, o grupo apontou outro feat dos sonhos: Alceu Valença.

Lulu Santos denuncia censura no Lollapalooza

O show de Fresno no Lollapalooza contou com a participação do ícone da MPB Lulu Santos, que se juntou ao grupo para cantar a música “Já faz tanto tempo” e “Toda forma de amor”. Durante a apresentação, Lulu Santos se manifestou contra a decisão do TSE de proibir manifestações políticas no festival.

“Como diz Carmen Lúcia, cala boca já morreu quem manda na minha boca sou eu […] Censura nunca mais”, declarou Lulu Santos. Lucas Silveira tranquilizou o cantor e afirmou: “A gente vai conseguir, tá começando a mudar”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

GIPHY App Key not set. Please check settings

    Loading…

    0