14 de setembro de 2015 por Rodrigo Neves.

A sensação de ver uma banda amadurecer com seu público é indescritível. Desde o show do All Time Low no Via Funchal em SP em 2011, e a apresentação no HSBC Brasil em 2012 muita coisa mudou e muitas outras coisas continuaram da mesma forma. Foi o que percebemos no show desta sexta (11) no Cine Jóia, em São Paulo.

O carisma da banda só parece aumentar com o tempo. Alex Gaskarth, vocalista, é extremamente simpático e não cansa de fazer elogios às plateias brasileiras (que lançam sutiãs no palco como se fosse um ritual dos shows do ATL).

A banda abriu o show com “Satellite”, primeira faixa do álbum Future Hearts, lançado este ano pela Hopeless Records e foi incrível. Tudo conspirou para que o público trabalhasse em uníssono com a banda durante a música dando um efeito surreal ao coro da banda, aquecendo todos para o que veio a ser considerado um show épico e memorável.

Outra coisa que é quase ritualística nos shows do ATL são os covers que eles fazem durante suas apresentações. Assim como “Like a G6”, da banda For East Movement em 2011, a banda fez um cover de “All The Small Things”, da banda Blink 182, e levantou ainda mais o público que já estava em êxtase desde o início.

12092015-_MG_6327

Antes de inciarem o cover, três músicas prepararam o público para o que viria a seguir: “The Irony of Choking on a Lifesaver”, do disco Don’t Panic, “Lost in Stereo” e “Stella”. do álbum Nothing Personal. Pudemos ver a animação das cerca de mil pessoas presentes, a banda criou uma onda progressiva de energia do início ao fim.

Desde os shows de 2011 e 2012, algo ficou bem claro: O guitarrista Jack Barakat e Alex são os únicos que interagem com o público de fato – tanto é que, em dois momentos da apresentação, eles chamaram fãs ao palco, em “All The Small Things” e em “Time Bomb”, onde oito espectadores subiram ao palco para dançar e cantar junto com os garotos.

12092015-_MG_6459

Quando a apresentação foi chegando pela metade, Gaskarth pegou o violão, e, como era de se esperar, a platéia pediu enlouquecidamente por “Remembering Sunday”, o que talvez tenha sido o momento mais emocionante do show; afinal, é uma das músicas mais icônicas da banda, desde sua formação.

Durante boa parte dos 100 minutos de show, um pedido estava sempre presente: “Jasey Rae”. Até Alex dizer que se eles tocassem a música, todos deveriam enlouquecer na pista, a plateia fez jus aos elogios repetidos de Jack sobre a animação e a energia do público. Eles enlouqueceram.

12092015-_MG_6196

O setlist não foi tão diferente dos outros shows realizados pela banda na América do Sul, porém um pouco mais longo, com certeza. Passando por músicas de todos os discos da banda, a estrutura continua a mesma com muitas músicas novas. Afinal, o show faz parte da turnê de lançamento do disco “Future Hearts”, que conta com participações especiais de grandes nomes do pop punk, como Joel Madden, do Good Charlotte, e Mark Hoppus, do Blink-182.

O álbum vendeu aproximadamente 7 mil cópias na primeira semana de lançamento, entrou como nº2 na lista Billboard 200, passando pelo Top 10 dos álbuns lançados nas listas da Australia e da Nova Zelândia, além de figurar a lista dos discos lançados no Reino Unido em primeiro lugar.

12092015-_MG_6041

Fechando com “Dear Maria, Count Me In”, a banda escreveu mais um capítulo em sua história e nas vidas de cada uma das pessoas que estavam lá, que encararam fila, chuva, frio e distância. Tudo para relembrarem que amadurecer não nos distancia de nossas raízes necessariamente, mas nos aproxima de quem realmente somos e do que realmente gostamos. Só esperamos não aguardar mais três anos para ver esses meninos novamente.

Confira o setlist aqui:

1. Satellite
2. The Irony of Choking on a Lifesaver
3. Lost in Stereo
4. Stella
5. All the Small Things (blink-182 cover)
6. Runaways
7. Damned If I Do Ya (Damned If I Don’t)
8. Weightless
9. Tidal Waves
10. Therapy
11. Remembering Sunday
12. Missing You
13. The Reckless and the Brave
14. A Love Like War
15. Backseat Serenade
16. Time-Bomb
17. Something’s Gotta Give
18. Kids in the Dark
19. Jasey Rae
20. Dear Maria, Count Me In

Fotos: Beatriz Limeres

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.