3 de março de 2014 por Mayara Faccioli.

1972493_10151919242262823_917387282_n

Nos dias 17, 18 e 21 de fevereiro, nós tivemos a oportunidade de acompanhar a turnê do 30 Seconds To Mars em duas cidades europeias: Paris, nos dias 17 e 18, e Copenhagen, no dia 21.

Na primeira cidade, também pudemos participar da transmissão do documentário da banda, “Artifact“, com direito à ronda de perguntas com o vocalista Jared Leto. Simpático como sempre, ele respondeu todas as questões com muito bom humor.

Uma das perguntas respondidas foi:

“Se você tivesse sua própria gravadora, como seria?”
– J: “ Trataria a todos por igual, sem diferenças; esta é a chave.”

O vocalista também fez questão de perguntar se havia alguém que não tinha ingresso para o show daquele noite, posto que estavam esgotados. Para adquiri-los, era só dar o nome e comprar na porta do local, pois ele e a equipe iriam conseguir mais ingressos.

No dia 17, partimos para o local do show às 18h00, onde uma fila de gente tomava conta. Mesmo assim, ficamos perto do palco, ao lado do baterista Shannon Leto. Acompanhamos canções recentes, como “Do or Die” e “Up in the Air”, e algumas mais antigas como “Kings and Queens” e “This is War”. Jared, durante o acústico, também tocou “The Kill” e “From Yesterday”.

Diferente da turnê do ano passado, não contamos mais com os acrobatas. Em seu lugar, Shannon e o guitarrista Tomo Miličević se aproximaram do palco e tocam “Bright Lights”, acompanhados de Jared Leto.

No segundo dia, 18 de fevereiro, participamos da “White Night” com direito à guerra de cores. O setlist foi o mesmo, porém, durante o acústico, Jared surpreendeu e tocou “Capricorn”.

Confira algumas fotos dos shows de Paris:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.