26 de outubro de 2015 por Thais Caetano.

Não dá pra começar a falar do último show da “Honeymoon Tour” que esteve domingo (25) nos solos paulistas sem falar da grandiosa voz de Ariana Grande. Arrisco a dizer que foi um dos melhores vocais que já vi ao vivo. Realmente, a menina-mulher capricha nas notas musicais, mas isso não é o bastante para explodir um show no Brasil.

Sendo jovem, cheia de vida e com músicas que te prendem, esperei por um show que me desse vontade de pular, mas isso aconteceu somente nos singles. Esperei ver uma menina interagindo com os fãs e conversando, mas o que vimos foram passos milimetricamente ensaiados. Foram poucos os momentos que pudemos ver Ariana sendo “ela”, fora do papel de diva.

Como foi legal vê-la se emocionar com os gritos do estádio, e como foi bom vê-la sair do script e dançar com uma rosa jogada por fãs. Como foi divertido vê-la cantando “What Do You Mean”, sem atos coreografados. Como foi tocante a despedida da tour no palco abraçando e, claramente, chorando!

Ao meu ver, Ariana percebeu o calor dos fãs brasileiros perto do fim do show, e foi quando ela mais se soltou, trazendo seus hits, como “One Last Time” (onde pudemos, pela primeira vez, fazer couro para ela) e dançando com mais alegria.

A cantora disse no show que espera voltar em breve, e nós esperamos o mesmo; porém, que volte solta, para preencher outras cidades com todas as notas musicais perfeitamente cantadas, com um brilho único e com mais fogo para conseguir incendiar, porque sabemos que ela é capaz.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.