Com pouco mais de 7 milhões de seguidores no instagram e com alguns hits na carreira, Halsey é um dos grandes destaques do cenário pop atual. Se você acha que nunca ouviu a cantora ou não a conhece de nome, certamente você já ouviu essa música:

Ashley Nicolette Frangipane, ou simplesmente Halsey, é uma cantora e compositora estadunidense de 23 anos, nascida e criada em Nova Jersey. Biracial, com um pai Africano-Americano e uma mãe Americana-Italiana, Halsey iniciou sua carreira aos 18 anos quando se deparou com problemas financeiros e viu a oportunidade de mostrar seu talento para o mundo. Visando descolar uma graninha, a cantora começou a fazer shows acústicos em pequenas cidades.

Se apresentando em vários lugares, a cantora ainda não possuía um nome artístico definido, o que a fazia se apresentar todo dia com um nome diferente. Halsey foi escolhido por ser o nome de uma rua no Brooklyn onde a cantora passou parte de sua adolescência e por ser um anagrama do seu nome batismo, Ashley. A cantora tinha planos de cursar artes plásticas, mas logo que viu que não podia pagar, se matriculou em um colégio da comunidade e começou a ter aulas de escrita criativa.

Contrato com gravadora e álbum de estreia

Halsey começou a postar covers no YouTube como o seu próprio nome. Em 2014, a cantora gravou uma canção chamada “Ghost” e postou em sua conta no SoundCloud. A canção causou alarde suficiente para que chamasse atenção de uma gravadora e posteriormente rendesse um contrato. Halsey assinou em 2014 com a Astralwerks e lançou o seu primeiro EP em 2014, intitulado de Room 93 (Quarto 93).

Seu álbum de estreia “Badlands” veio pouco tempo depois, no 28 de agosto de 2015. Em uma entrevista, Halsey descreveu o disco como “record feminino com raiva”. O álbum rendeu os singles “New Americana”, “Colors” e a já conhecida “Ghost”. O material obteve um bom número de vendas e acabou colocando a cantora no mainstream, rendendo parcerias com Justin Bieber e com o duo eletrônico The Chainsmokers.

Com essa última parceria, Halsey conseguiu um dos maiores sucessos da era digital. “Closer” figurou o topo de várias paradas pelo mundo, inclusive a dos Estados Unidos por 12 FUCKING SEMANAS. Não é pouca coisa né?

Polêmicas e segundo disco

Após todo o sucesso alcançado com as parcerias e com disco anterior, Halsey estava pronta para um novo capítulo. Intitulado Hopeless Fountain Kingdom, o segundo disco da cantora foi lançado no dia 2 de junho 2017. Assim como o seu álbum de estreia, o álbum gira em torno de um par de amantes num conto baseado em Romeu e Julieta (Bem lúdico, né?). Quebrando todas as expectativas, o disco estreou em primeiro lugar na Billboard 200, com mais 106 mil cópias vendidas apenas na primeira semana. O álbum trouxe parcerias do DJ Cashmere Cat, da Ex-integrante do Fifth Harmony, Lauren Jauregui e do rapper Quavo, do trio Migos.

Quavo foi acusado várias vezes por homofobia e mesmo assim foi defendido pela cantora e creditado no material. Halsey também foi criticada após uma declaração polêmica na revista Playboy, afirmando parecer uma garota branca, mas ser uma mulher negra. Outra declaração que pegou muito mal para a cantora foi afirmar que que estava adorando ver a carreira da rapper Iggy Azalea acabar. A hashtag “#HalseyIsOverParty” (Festa de fim de carreira da Halsey, em tradução adaptada) foi para os trending topics do Twitter.

Apesar de todas essas controvérsias, Halsey segue em turnê mundial apoiada pelo seu segundo álbum estúdio. Promovendo o disco e os singles “Now or Never”, “Bad At Love” e “Alone” em parceria com o rapper Big Sean e a rapper Stefflon Don, Halsey chegou ao Brasil para duas apresentações, tendo Lauren Jauregui (!!!) como ato abertura. O Tracklist fará cobertura completa das apresentações nas redes sociais,  e quem quiser ficar por dentro e conferir tudinho das apresentações, basta seguir a gente!

 

 

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.