21 de janeiro de 2020 por Giovana Bonfim Escudine.

Parabéns“, parceria de Pabllo Vittar com Psirico, foi lançada em outubro, e, hoje (21) as visualizações em seu clipe chegam a quase 50 milhões de visualizações. Mas, um empecilho no Youtube foi colocado para elas continuarem crescendo: uma espécie de censura etária.

Leia também: Pabllo Vittar lança clipe de faixa do “111”; confira “Amor de Que”

Quando se abre o Youtube sem um login no clipe da música, ele não é logo reproduzido. Um aviso diz que o vídeo pode ser impróprio para algumas idades, e, só é liberado caso o usuário faça login e de fato tenha a maioridade.

Acredita-se que o feito tenha acontecido por Pabllo Vittar aparecer no clipe em algumas cenas apenas de calcinha e uma blusa com transparência. Além disso, também é mostrado o consumo de bebida alcoólica e uma garrafa de vodka.

Vale lembrar que existem clipes mais pesados que o de “Parabéns”, com as mesmas características que se especula do por quê o vídeo receber o aviso, que seguem liberados para todos. Muitos internautas acreditam que o vídeo ter recebido o anúncio foi uma medida homofóbica pelo fato de Pabllo ser uma drag.

O aviso já chegou a aparecer também em clipe de Rihanna, como “Bitch Better Have My Money” e “S & M”.

“Vou recorrer à justiça”, diz Pabllo em resposta ao aviso do Youtube

Na manhã de hoje (21), a cantora se pronunciou em seus stories no Instagram sobre o ocorrido. Ela chega a comentar que enquanto o clipe, que possui em sua legenda “beba com moderação” recebeu o aviso, muitos outros mais explícitos continuam no ar sem nenhuma censura etária.

Diga não à censura seletiva“, diz Pabllo, que ainda disse que querendo ou não “Parabéns” vai ser a música do carnaval. “Isso não vai ficar assim. Eu vou recorrer na justiça, vou usar todos os meios que eu puder para trazer de volta o meu clipe pro Youtube.

Atualizações sobre status do clipe

Ainda hoje, 21, um comentário da equipe do Youtube Brasil foi deixado no clipe de “Parabéns” sobre o aviso de restrição. Segundo eles, não teria sido feito pelo Youtube e sim pela própria conta que enviou o vídeo. Leia o comentário completo:

Ao que tudo indica, teremos em breve o clipe de volta com todos podendo assistir.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.