A ansiedade para o Lollapalooza Brasil é algo que assola dos mais árduos fãs, aos festivaleiros de carteirinha. Desde 2018, a Chevrolet, uma das patrocinadoras do festival, realiza o Onix Day, um dia extra de Lollapalooza para proprietários do Chevrolet Onix e para sortudos que ganharam ingressos através de promoções. São 3 shows que antecedem o maior festival de São Paulo.

A edição desse ano contou com o pop indie de Portugal. The Man, o rap apoteótico de Macklemore e a melancolia apaixonada de Sam Smith.

Como nem tudo é perfeito, a formação da fila teve problemas, chegando a, literalmente, quilômetro de extensão – o que nos fez perder o show de Portugal. The Man. Porém, depois de uma caminhada de quase 3 quilômetros, conseguimos entrar a tempo de ver a festa caótica que Macklemore nos proporcionou.

Macklemore

Uma das grandes críticas da atualidade é o uso do playback pelos rappers. Essa era uma de minhas preocupações para o show, visto que, por ter muitas canções boas, não queria me decepcionar. Porém, o que foi entregue foi totalmente o contrário.

Macklemore e sua banda foram feitos para o público brasileiro. Pela primeira vez no Brasil, o rapper de Seattle se emocionou com o público, e levou todos a loucura com seus hits como “Thrift Shop”, “Same Love” e “Can’t Hold Us”.

Para fechar o show, Macklemore prometeu retornar o quanto antes ao país, além de demonstrar todo seu amor. A felicidade era clara na afeição do rapper.

Macklemore canta “Same Love” agora no #OnixDay! pic.twitter.com/7q083aWp3b— Tracklist (@PortalTracklist) 4 de abril de 2019

Sam Smith

Para fechar a noite, um pouco de melancolia e romance com Sam Smith – uma das figuras mais simpáticas que já vi ao vivo. Era clara a emoção e gratidão que Sam sentia por ter a oportunidade de retornar ao país.

O público deu um show à parte. Na segunda música, a clássica “I’m Not The Only One”, eu comentei com uma amiga que estava similar a um culto, tamanha a devoção e admiração do público brasileiro.

Em diversas músicas eu apenas observava a reação das pessoas, e foi incrível a forma com que cada um reagia às emoções implicadas pelas musicas e pela voz de Sam. Parecia algo de outro mundo. Na apresentação, sucessos como “Latch”, música com o Disclosure; “Dancing With a Stranger”, faixa com Normani; “Too Good at Goodbyes”; “Promises”, com Calvin Harris; e “Stay With Me”.

Após o show, ainda teve uma queima de fogos de 5 minutos, que marcou o fim do Onix Day e a entrada oficial no modo Lollapalooza.

Um pouquinho do que rolou ontem no show do @samsmith no #OnixDay do @LollapaloozaBr! Quem já está ansiosx pela apresentação dele hoje? #TrackNoLolla pic.twitter.com/LOqWZ8p5Si— Tracklist (@PortalTracklist) 5 de abril de 2019

Você poderá acompanhar tudo o que rola no festival no nosso Twitter e Instagram, e aqui no site!

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.