BBB: 7 ex-participantes que investiram no mundo da música depois do programa

Conheça os brothers que tentaram a sorte grande na música após o reality

Por em 9 de fevereiro de 2021

Recentemente, o BBB teve uma das passagens mais icônicas do programa: Lucas Penteado. O artista, que foi extremamente injustiçado durante sua permanência na casa, pediu para sair do reality na madrugada de domingo (7) e marcou a história do BBB21.

Videoclipe de Deus que me guia.

Aqui fora, Lucas recebeu uma quantidade enorme de apoio por parte do público e também por diversos artistas. Penteado, que já tinha uma carreira musical iniciada antes de entrar no BBB, recebeu convites de nomes como Dennis DJ e MC Kevinho para projetos futuros.

Dennis foi um dos primeiros artistas a oferecer ajuda a Lucas. Em um áudio divulgado no Twitter, o DJ diz “Lucas, vou te ajudar, tá bom? Sei que você tem um sonho de ser MC e estou aqui à disposição para produzir todas as músicas que tiver vontade”.

Além disso, o produtor e o brother conversaram por uma ligação de vídeo onde Dennis revelou que a gravadora Sony Music tem interesse em contratar Lucas.

O funkeiro MC Kevinho também apoiou Penteado em suas redes sociais e até convidou o ator para gravarem uma música juntos.

Apesar da saída recente, Penteado já se mostra animado com o futuro profissional como MC. Entretanto, Lucas não é o primeiro ex-BBB que decide investir na carreira musical após o reality. Abaixo, separamos 7 brothers que migraram para a música depois da saída do programa.

Foto: Reprodução.

Leia também: BBB: relembre os shows internacionais que já agitaram a casa

Kaysar lança sua primeira música solo após o BBB

Após a estreia como ator no filme Carcereiros, Kaysar (BBB18) investe agora na carreira musical. Na sexta-feira (5), o ex-BBB lançou sua primeira música solo: Fogo no Parquinho.

Antes da estreia do funk, que é uma homenagem ao reality, Kaysar já havia feito parcerias com DJ Guuga e Mc Bin Laden.

Áudio oficial de Fogo no Parquinho.

Flay já tinha uma carreira na música antes de entrar no BBB

Apesar de ser cantora antes da entrada no BBB20, foi após o programa que a carreira de Flay deslanchou. Antes do reality, a Flayslane fazia parte da dupla Lane e Mara. As duas cantavam em projetos como a banda Forró de Griff e Rainhas da Balada. 

Depois da saída da casa, Flay tocou seus projetos de forma solo. A cantora chegou a lançar um single com o sertanejo Lucas Lucco e, nessa semana, se reuniu com compositores de músicas de Wanessa Camargo, Melim, Clau, Rebecca e 3030.

Após o encontro, Flay arriscou dizer que tem o primeiro hit da carreira. “Estou morrendo de ansiedade para colocar ele no mundo”, completou a cantora.

Videoclipe de Dois Vagabundos.

Rafinha e sua trajetória na música pós-BBB: do hardcore à eletrônica

O galã do BBB8, Rafinha, realizou um sonho de adolescente após ganhar o programa: ter uma banda. Com o dinheiro do prêmio, o campeão investiu no grupo Mipt: comprou instrumentos, gravou clipe e montou estúdio.

A banda acabou não dando o retorno financeiro esperado, o que ocasionou no fim das atividades do grupo. Alguns anos depois, Rafinha também arriscou uma carreira na música eletrônica, que não durou muito tempo. Hoje, o vencedor do BBB8 trabalha como tatuador no estúdio próprio.

Áudio de Olhos Fechados.

André Gabeh foi contratado pela Som Livre

André Gabeh entrou na primeira edição do programa com um sonho: se tornar cantor. O fã de Whitney Houston terminou o BBB em 3° lugar, mas a verdadeira vitória foi ter assinado um contrato com a gravadora Som Livre após o confinamento.

Até hoje, o ex-BBB continua na carreira musical. Seu último trabalho, O Jardim de André, foi lançado em 2017.

André Gabeh cantando Saudade sem querer.

Dhomini e a dupla sertaneja

Dhomini ganhou o BBB3, quando o prêmio ainda era de R$ 500 mil. Após o reality, o campeão formou uma dupla sertaneja: Dhoni e Dhomini. A escolha do nome Dhoni, tão similar a Dhomini, não foi feita apenas por questões estéticas, mas de acordo com estudos de energia e numerologia.

Os sertanejos gravaram um álbum em 2008 com diversas regravações como Planeta Azul, de Chitãozinho e Xororó, e Mulher de Fases, dos Raimundos (inusitado pra uma dupla sertaneja, né?!). Após o fim da parceria, Dhomini disse em algumas entrevistas que todo o dinheiro que ganhou no programa foi embora, e que grande parte dos gastos foram com a dupla.

A dupla Dhoni e Dhomini cantando Goianeiro.

Alberto Cowboy seguiu os passos dos primos Victor e Leo

O vilão e inimigo de Alemão no BBB7, Alberto Cowboy também tentou emplacar como cantor sertanejo. Primo de Victor e Leo, ele iniciou a carreira um ano após a saída do programa. Depois de oito meses, Cowboy decidiu acabar com a dupla que fazia parte e seguir carreira solo.

Alberto Cowboy cantando Sempre Linda na Balada.

Josy Oliveira, uma cantora que usou o BBB como ponte

Participante da nona edição do reality, Josy também já era cantora quando entrou na casa. Após a saída do BBB, ela chegou a dizer: “Não sou uma ex-BBB que virou cantora. Sou uma cantora que usou o ‘BBB’ como ponte”.

Antes da participação, Josy fazia shows em casas noturnas como integrante da dupla eletrônica Nueva, ao lado do músico Marlos Vinícios. Na época, o duo, que mudou o nome para Pacto, chegou a ter o primeiro álbum produzido por Rick Bonadio.

Josy cantando Umbrella.

E aí, você conhecia a carreira musical desses brothers? Acompanha alguma? Conta pra gente nas nossas redes sociais!


Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!