in

Twenty One Pilots faz show completo e engajado em São Paulo

Twenty One pilots em São Paulo
Foto: Isabella Zeminan/Tracklist

O duo Twenty One Pilots se apresentou em São Paulo no último sábado (12/11) durante o festival GP Week. Fresno, The Band Camino, Hot Chip e The Killers se apresentaram no mesmo palco.

Confira como foi o show do The Killers no GP Week.

Foto: Isabella Zeminian/Tracklist

Pela terceira vez no Brasil, o Twenty One Pilots trouxe um espetáculo ainda mais completo e interativo do que já assistimos antes. A passagem pelo país faz parte da série de shows que promove o álbum “Scaled and Icy (2021)”, que passou anteriormente pela América do Norte, Europa e México.

Confira 4 destaques:

Banda eficiente

Antes de “Scaled and Icy”, as únicas estrelas do palco do twenty one pilots eram os integrantes oficiais, Tyler Joseph e Josh Dun. Porém, desde 2021, as performances contam com músicos adicionais: Dan Geraghty (guitarra), Jesse Blum (trompete), Skyler Acord (baixo) e Todd Gummerman (teclado e guitarra).

Se com duas pessoas eles já possuíam uma presença de palco que impressionava, com a banda completa e uma grande estrutura o resultado é a entrega de uma experiência deslumbrante para o público.

Engajamento com a plateia

Como de praxe e já visto nas apresentações do Lollapalooza Brasil (2016 e 2022), Tyler Joseph explorou todos os cantos do palco, cantou no meio ao público, escalou para o ponto mais alto de uma estrutura do evento, enquanto Josh Dun tocou bateria em cima da plateia. Tais atos impressionaram quem estava vendo a banda ao vivo pela primeira vez e despertou a máxima euforia dos fãs, que puderam ficar ainda mais perto dos seus ídolos.

Foto: Isabella Zeminan/Tracklist

Um dos pontos altos da noite foi quando Tyler criou um show interativo de luzes a partir dos flashes de celulares do público durante a música “Mulberry Street”. O momento proporcionou uma incrível experiência visual para todos que estavam no estádio.

https://twitter.com/ysmncuel/status/1591644346142846978

O pedido do artista veio em português – muito bem falado: “em cima, em baixo”.

Para conquistar ainda mais o público brasileiro, uma versão da canção “Aquarela do Brasil” foi executada pelo trompetista em um dos interlúdios.

https://twitter.com/SimiaoCastro/status/1591580198742691840

Setlist certeiro

O grupo soube muito bem aproveitar o repertório dos principais álbuns de estúdio lançados por eles. Com um setlist que contou com mais de 20 músicas, não faltaram sucessos do “Vessel” (2013), como “Holding on to You” e “Car Radio”. Faixas do “Blurryface” (2015), como “Lane Boy”, “Ride” e “Stressed Out”, trouxeram momentos explosivos.

As aclamadas do “Trench” (2017), “Chlorine” e “Jumpsuit” estiveram presentes. O disco mais recente, “Scaled and Icy”, foi o que menos apareceu, com destaque para “Shy Away”, primeiro single da era.

O momento acústico, que contava com uma fogueira no meio do palco, foi uma maneira de incluírem mais faixas. Eles apresentaram medleys com músicas de toda a carreira, aclamadas principalmente pelos fãs. Entre elas, “Migraine”, “Nico and the Niners” e “House of Gold”.


Com esse único show na América do Sul, o Twenty One Pilots encerra a agenda de 2022 provando que eles não param de inovar e que conseguem entregar performances cada vez melhores a cada ano.

Mesmo com Tyler Joseph anunciando que não farão outros shows por um bom tempo, esperamos que a banda retorne em breve para suprir a demanda de uma turnê que contemple mais cidades do Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

    Loading…

    0