A espera finalmente chegou ao fim. Lauv acaba de lançar seu álbum de estúdio e está recheado de belas surpresas. “~how i’m feeling~” foi anunciado no final do ano passado e a cada dia que passava, a expectativa só aumentava. Pois bem, hora de vermos o que o norte-americano preparou durante esse tempo.

Resultado de imagem para how i'm feeling lauv f album

Temas do disco

As faixas, permeadas pelo eletropop marcante do norte-americano, trazem temas dos dias contemporâneos onde a questão da busca obsessiva pela aprovação e a ilusão das curtidas e dos números nas redes sociais facilmente se mesclam, e não é tão incomum estes fatores culminarem no desenvolvimento de transtornos de ansiedade e depressão, como ele canta em “Drugs e The Internet”, “Believed” e “Lonely Eyes”

Resultado de imagem para lauv cantor

Sobre relações amorosas, Lauv abre um leque dos mais variados temas a respeito do amor. Em “Mean It”, por exemplo, ele relata uma situação em que se sente sempre a segunda opção de outra pessoa que alimenta suas expectativas. Já em “fuck i’m lonely”, parceria com Anne-Marie, trata-se de um conflito quase interno sobre querer demais alguém que já não está mais por perto. A mais confessional de todas é “Julia”, onde ele implora por perdão e lamenta pelas mágoas causadas à sua ex, a também cantora Julia Michaels.

A saúde mental é o tema mais presente nas faixas do disco. Lauv já relatou sobre ter TOC e depressão em sua conta no twitter algumas vezes e que este foi o principal pano de fundo para a criação do álbum. Faixas como “Modern Loneliness” que trata sobre a solidão do mundo moderno, onde Lauv percebe que mesmo estando cercado de amigos, ainda sente-se solitário apesar das comodidades de hoje em dia facilitarem o contato instantâneo entre as pessoas. Outra faixa que se destaca é “Changes“, que fala sobre as dificuldades de mudar hábitos e formas de levar a vida para se sentir melhor.

Produção e Composição

O disco foi produzido inteiramente por Lauv em parceria com Michael Pollack, Michael Matosic e Johnny Simpson nas composições. Interessante destacar a maneira com que Lauv trata dos temas de maneira objetiva e clara, sendo direto e específico com a mensagem que quer passar. A cada canção ouvida, uma emoção aflora. É possível notar a franqueza do cantor ao relatar sobre suas dificuldades e inseguranças em um mundo tão caótico, sempre reforçando o quanto é importante abraçar cada traço de sua personalidade e aprender a lidar com ela da melhor maneira, mas buscando sempre tornar-se uma versão melhor de si mesmo.

Conclusão

“~how i’m feeling~” chegou com os dois pés na porta e com grandes pretensões. É um álbum refinado e totalmente versátil, contrastando perfeitamente com o pop radiofônico dos dias atuais, mas sem tanto apelo do mainstream. Traz um som fresco e estilizado e grandes parcerias com pessoas influentes na cena Pop musical. Peca pelo excesso de faixas. Algumas atrapalham a coesão artística do trabalho, mas não são empecilhos para torná-lo uma grande estréia em 2020. Olhos atentos no norte-americano a partir de agora.

NOTA: 8,4/10

Ouça o álbum clicando aqui.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.