Lauren Jauregui falou como está o processo de produção de seu álbum solo em entrevista para a Billboard americana. Os temas de saúde mental e LGBT também foram discutidos na conversa.

A cantora ainda não sabe quando o disco em questão será lançado, e revelou que continua em estúdio após um ano trabalhando nele.

“Estou muito orgulhosa do que estou fazendo e da maneira como estou articulando meu ponto de vista”.

Sobre o estilo das músicas, Lauren afirmou que teremos “músicas profundamente sombrias”.

“[…] eu sou emo, então vocês terão algumas músicas profundamente sombrias vindo da minha alma, mas também alguns ‘bops’, músicas muito boas. Vai ser muito divertido. Estou muito animada para compartilhar. Estou terminando”.

Já quando questionada sobre a data de lançamento do álbum, a cantora americana ainda não sabe responder. Em outra entrevista recente, Lauren também foi questionada sobre quando o álbum seria lançado, e a resposta da cantora deu a entender que ela não estaria muito satisfeita com a gravadora Columbia Records, na qual assinou em 2018.

 “Pergunte à Columbia [Records]”, respondeu a cantora.

Na entrevista para a Billboard, Lauren deu uma resposta mais esclarecedora.

“Definitivamente em breve. Eu definitivamente lançarei música nova até o final deste ano. Seja uma música só ou o projeto completo, eu ainda não sei. Eu ainda estou finalizando o projeto no momento, mas eu já tenho quase todas as músicas… Eu venho compondo como uma louca”.

Pausa nas redes sociais e bissexualidade

A cantora contou a Billboard sobre sua decisão de se desconectar da internet. Ela passou três meses desse ano longe das redes sociais, e revelou que isso teve um “incrível impacto positivo” para si.

“Eu me encontrei… comparando onde eu estava e para onde todo mundo estava”. “Eu só precisava de uma pausa, e isso me ajudou muito, fazendo uma pausa, me focando e me honrando”.

A cantora de “Expectactions” também falou como se sentiu ao revelar sua bissexualidade.  

“É importante para mim que as pessoas estejam dizendo algo sobre minha sexualidade, porque eu pessoalmente aceitei isso sobre mim mesmo e me amei por isso”. “Quando você aceita essas coisas sobre si mesmo e ama essas coisas, fica muito difícil para alguém que é um estranho dizer que isso não é legal”.

Comentários

Mais lidas
Alguns direitos reservados / 2013 - 2017.
Desenvolvido por Lucas Mantoani.