in ,

Chappell Roan: quem é a cantora por trás do hit “HOT TO GO!”?

Música acompanha coreografia que viralizou nas redes sociais; conheça a artista

Foto: Reprodução Instagram/@ryanleeclemens

Para quem acompanha de perto o TikTok, provavelmente já se deparou com alguém fazendo a dancinha de uma música chamada “HOT TO GO!”. O hit viral pertence a Chappell Roan, cantora que tem ganhado cada vez mais atenção desde quando o single foi lançado, em agosto do ano passado. Descubra quem é a artista e veja mais curiosidades!

Quem é Chappell Roan, cantora por trás do hit “HOT TO GO!”?

Kayleigh Rose Amstutz, mais conhecida como Chappell Roan, é uma cantora e compositora de 26 anos do Missouri, Estados Unidos, com estilo synth-pop dos anos 80 e o pop do início dos anos 2000, e estética amplamente inspirada em drag queens. Sua estreia no mundo da música se deu por meio do EP “School Nights”, em 2017, pela Atlantic Records.

Desde então, Roan lançou uma sequência de singles, dentre eles “Love Me Anyway”, “California”, “Naked In Manhattan” e “Pink Pony Club”, que viriam mais tarde a fazer parte do seu disco de estreia, o “The Rise and Fall of a Midwest Princess”, em 22 de setembro de 2023.

Dentre a tracklist do álbum, uma faixa se destacou de forma surpreendente. “HOT TO GO!” foi lançada um mês antes do projeto completo, e sua divulgação chegou junto ao videoclipe oficial. Com ele, a coreografia presente no vídeo soletrando “H-O-T T-O G-O” com os braços, em uma dancinha que remete ao nostálgico movimento de “YMCA”, do Village People, rapidamente viralizou nas redes sociais. Outro ponto é que a canção já se encontra no Top 50 Global do Spotify.

Não demorou muito para seu público adotar a dança. Em um registro do seu show no The Governors Ball Music Festival 2024, que aconteceu no início do mês de junho, é possível observar um mar de braços levantados e repetindo a coreografia do refrão. Já no Hangout Music Fest 2024, quem viralizou foi um segurança do show de Chappell, que também fez a dancinha.

Nem a atriz e cantora Reneé Rapp resistiu à trend. Também no Gov Ball, a artista foi filmada acompanhando o show de Roan e, é claro, durante “HOT TO GO!”, Reneé fez a coreografia diretamente dos bastidores. Outra celebridade que já admitiu sua fascinação pela cantora é Emma Stone, que admitiu em recente entrevista que escuta as suas músicas “sem parar”.

Além disso, Chappell Roan conta com grandes amizades no mundo da música. A artista tem uma grande proximidade com Olivia Rodrigo, para quem fez os shows de abertura na “GUTS world tour”, que teve início em fevereiro deste ano.

https://twitter.com/josue_monteiro0/status/1805373447926673411

Até Elton John já declarou seu amor por Chappell. Em uma publicação nas suas redes sociais, o cantor agradeceu a companhia da voz de “HOT TO GO!” e escreveu diversas vezes que a ama. Além dele, Charli xcx também já posou em foto ao lado de Roan durante um evento, e citou a colega em vídeo que ela é “obviamente do nível divino absoluto”.

Por outro lado, não é apenas com “HOT TO GO!” que Chappell tem conquistado cada vez mais destaque. Seu single “Good Luck, Babe!”, lançado em abril deste ano, já se encontra em 16º lugar na Billboard Hot 100, ganhou um cover pela voz de Sabrina Carpenter e foi listada pela Billboard como a 3ª melhor música de 2024 até agora.

Leia também: As 50 melhores músicas de 2024 até agora, segundo a Billboard

A conexão com a comunidade LGBTQIAP+ e estética vibrante

Chappell Roan se identifica como uma mulher queer e mantém uma proximidade com a comunidade LGBTQIAP+ nas redes sociais. Além disso, suas composições trazem temas de relacionamentos com mulheres. Em recente entrevista ao G1, a cantora explica que acha “que lésbicas precisam de uma representação semelhante”.

“Não somente lésbicas, mas pessoas queer no geral ou até mesmo heterossexuais. E estou feliz em aceitar ser essa pessoa. Acho que precisamos disso, apenas de garotas sendo garotas que gostam de festejar. Eu não quero de nenhuma forma parecer algo inatingível ou como uma princesa rica, é tão legal me conectar com um público que possa entender uma parte de mim. Eu só quero continuar curtindo a minha vida”, declarou ao veículo brasileiro. 

Com visível inspiração em drag queens, Roan chamou a atenção não só pelas suas músicas, letras ou dancinhas. Sua estética vibrante, colorida, cheia de brilhos, acessórios e maquiagens elaboradas vêm da sua paixão pela arte drag queen, com looks icônicos como o de Estátua da Liberdade que ela usou para se apresentar no palco do Governors Ball este ano.

Por fim, em seus shows, Chappell convida drag queens das cidades pela qual ela passa para serem seus atos de abertura. “É uma ótima maneira de envolver a comunidade queer local naquela cidade. Eu incentivo as pessoas a darem gorjetas às queens, redistribuindo os fundos dentro da comunidade local, além de dar visibilidade para as drag queens. Algumas dessas queens nunca se apresentaram diante de uma multidão tão grande antes, e é muito divertido”, contou em entrevista ano passado para o site People.